O Clone volta ao ar nesta segunda-feira (04/10); veja 20 curiosidades

Folhetim, considerado um dos clássicos da televisão brasileira, protagonizado por Giovanna Antonelli e Murilo Benício será reprisado 20 anos após estreia

Divulgação/TV Globo
O Clone conta a história de amor impossível entre Jade (Giovanna Antonelli) e Lucas (Murilo Benício) (foto: Divulgação/TV Globo)

Escolhida como a  substituta  de Ti Ti Ti  ( 2011 ), O Clone está de volta nesta segunda-feira (04/10) no Vale a pena ver de novo,  que vai ao ar de segunda a sexta-feira, logo após a Sessão da tarde.
 
Há vinte anos, o Brasil começava a acompanhar as histórias da  novela , exibida de 2001 a 2002 , com 221 capítulos. 

Escrita por Gloria Perez,  a obra tem a direção de Teresa Lampreia e Marcelo Travesso , direção de núcleo de Jayme Monjardim , que também divide a direção-geral da obra com Marcos Schechtman .
 
A produção mostra uma história de amor impossível entre Lucas ( Murilo Benício ) e Jade ( Giovanna Antonelli ), e traz temas da cultura muçulmana, a polêmica sobre clonagem humana e a dependência química.
 
O Portal Uai listou 20 curiosidades sobre os bastidores da novela e o elenco da trama. 
 
1 - Segunda chance e Começar de novo foram títulos cogitados para a obra antes de ser definido que a trama se chamaria O Clone
 
2 - O folhetim estreou dias após  os atentados terroristas  de 11 de setembro nos Estados Unidos . Ao colocar a cultura muçulmana como pano de fundo, naquele contexto, corria-se o risco da rejeição do público.
 
Entretanto, a obra foi um sucesso e se tornou uma das novelas mais bem-sucedidas da história da televisão brasileira.
 
3 - Os atores Murilo Benício e Giovanna Antonelli começaram a namorar durante das gravações da novela. O sucesso da obra fez com que Giovanna e Murilo obtivessem o título de casal mais famoso do mundo 2002 , pela revista de celebridades  People
 
Os intérpretes de Jade e Lucas foram casados por quatro anos e juntos são pais de Pietro .  
 
4 - Jade ( Giovanna Antonelli ) ditou tendências de moda e foi febre entre as telespectadoras. O esmalte dourado, pulseiras douradas grossas e o anel-pulseira da personagem, virou hit de vendas nas lojas populares. Além do olho delineado como kajal, ganharam as ruas. 
 
5 - Débora Falabella , que interpretava a personagem Mel, teve meningite durante as gravações. No entanto, Cynthia Falabella , irmã mais velha da atriz, foi escalada para gravar uma cena marcante da trama substituindo a artista.   
Divulgação/Montagem
Débora Falabella e Cynthia Falabella (foto: Divulgação/Montagem)
6 - Vivianne Victorette havia sido escalada para interpretar Regininha após ganhar um concurso realizado no  programa   Caldeirão do Huck em 2001 . O papel era da dependente química e amiga de Mel ( Débora Falabella ).
 
7 - A ação antidrogas promovida na telinha pelos personagens Mel ( Débora Falabella ), Nando ( Thiago Fragoso ) e Lobato ( Osmar Prado ) rendeu um prêmio dado pelo FBI e pela Drug Enforcement Administration ( DEA ) à Gloria Perez e Jayme Monjardim .
 
8 - Durante o verão de 2002 , o país teve um surto de dengue que atingiu alguns atores durante as gravações. Stênio Garcia (Ali), Marcello Novaes (Xande), Elizângela (Noêmia) e Reginaldo Faria (Leônidas) foram alguns dos diagnosticados com a doença.
 
O caso mais preocupante acabou sendo o de Stênio , que teve dengue hemorrágica.
 
9 - A trama também marcou a última participação de Mário Lago na televisão. Na companhia de Beatriz Segall , ele reviveu o médico Molina, personagem da novela Barriga de aluguel ( 1990 ), também escrita por Gloria Perez . O artista faleceu aos 90 anos em maio de 2002 , devido a uma complicação pulmonar.
 
10 - Haylton Farias que interpretava o psicanalista de Lobato ( Osmar Prado ), precisou sair da trama depois de ter sido esfaqueado por um vizinho com um canivete. 
 
O ator precisou ser levado para o hospital e ficou em estado grave, tendo que passar por uma cirurgia. Por conta disso, precisou ser retirado da novela para poder se recuperar.
Reprodução/TV Globo
Haylton Farias no papel do psicanalista de Lobato (Osmar Prado) (foto: Reprodução/TV Globo)

11 - A novela recebeu uma enorme lista de personalidades, Clodovil , Zeca Pagodinho , Jorge Aragão , Alcione , Neguinho da Beija Flor , Martinho da Vila , Renato Gaúcho , Ronaldinho Gaúcho , Petkovic , Nilton Santos , Benito di Paula Félix , Acelino de Freitas , Jairzinho , Carlos Alberto Torres , Branco , Ricardo Rocha , Bebeto , Dunga , Dora Bria , Danielle Hypólito , Oscar Schmidt , Popó , Roger Flores e Ana Maria Braga , acompanhada do Louro José , são alguns dos nomes que fizeram uma pontinha no folhetim das nove.  Pelé foi outro nome que fez uma participação especial, visitando o bar da Dona Jura.
 
12 - Inclusive,  o rei do futebol  aproveitou sua participação para lançar a música Em busca do penta , de sua autoria, feita em homenagem à Seleção Brasileira de Futebol
 
13 - O sambista Sargentelli sofreu um infarto enquanto gravava uma participação no folhetim. Socorrido e levado para o hospital, não resistiu.
 
14 - As cenas do último capítulo foram gravadas em Natal , no Rio Grande do Norte . As gravações nas dunas simulavam as areias do deserto do Marrocos .
 
15 - A trama trouxe muitos bordões que não foram esquecidos pelo público e que entraram para o vocabulário dos telespectadores, como "Inshallah", "Maktub", "Haram", "Arder no mármore do inferno", "Jogar ao vento", "Fazer a exposição da figura", "Cada mergulho é um flash", "Mulher espetaculosa" e "Não é brinquedo, não", dita por Dona Jura ( Solange Couto ) foi criado pela própria  atriz .  
Divulgação
Solange Couto (Dona Jura) (foto: Divulgação)

16 - O Clone foi, até então, a novela de maior audiência da  emissora carioca  no horário das 20h. A novela bateu o recorde de A Indomada ( 1997 ), de Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares .  
 
17 - Com todo o sucesso, o folhetim foi comercializado para diversos países, entre eles Chile , Argentina , El Salvador , Colômbia , Peru e Romênia , e foi recorde de audiência no Kosovo , na Sérvia , Rússia e Albânia .  
 
18 - A novela foi o único título brasileiro em uma seleção dos principais programas da televisão nos últimos 50 anos feita pela The WIT , empresa especializada em rastrear o mundo em busca de tendências de conteúdo de televisão e programação digital, em Cannes , na França , onde aparece como a melhor produção de 2001 .
 
19 - Um remake da novela foi produzido pela Telemundo em 2010 , levando o título de El clon , com atores de diversos países da América Latina , com gravações que ocorreram na Colômbia e nos Estados Unidos , mas sem o mesmo sucesso de O Clone .
 
20 - O Clone teve uma exibição no Vale a pena ver de novo  em 2011 , e, depois, no canal Viva , de dezembro de 2019 a agosto de 2020 .
Reprodução/TV Globo
Jade (Giovanna Antonelli) e Lucas (Murilo Benício) (foto: Reprodução/TV Globo)

Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: 

MAIS SOBRE SERIES-E-TV