TV Globo poderá demitir funcionários que não se vacinarem contra a COVID-19

Segundo emissora, decisão está alinhada com o que se pratica em outras empresas

Divulgação
TV Globo poderá demitir quem se recusar a tomar a vacina contra a COVI-19 (foto: Divulgação)
 

A TV Globo pretende desligar os funcionários que se recusarem a tomar a vacina contra a COVID-19. Segundo apuração do UOL, a emissora já comunicou os colaboradores sobre a decisão firme. Em mensagem compartilhada a todos que trabalham na Globo, A emissora destacou que a ação está "alinhada com o que é praticado em diversas empresas".

"Podemos dizer que a aplicação das vacinas é uma estratégia eficaz contra a disseminação do vírus e uma forte aliada para proteção de todos", disse a empresa em trecho do comunicado. Ainda foi informado que os funcionários que não podem ser vacinados por motivos médicos "não correm risco de desligamento". A regra também se estende aos estagiários e jovens aprendizes.

Divulgação/TV Globo
TV Globo vem aplicando rígidos protocolos sanitários para preservar todos os funcionários (foto: Divulgação/TV Globo)
 

A emissora argumentou que a vacinação é fundamental para que a saúde dos funcionários não seja colocada em situação de risco e reforçou que os colaboradores devem enviar o comprovante da vacniação. 

Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: 

MAIS SOBRE SERIES-E-TV