Cláudio Manoel revela que TV Globo proibia paródias com Sandy

Cantora foi protagonista da novela das seis Estrela-Guia, em 2001 e programa humorístico não podia fazer piada com a filha de Xororó

Divulgação
Cláudio Manoel relembra impedimento de fazer paródias com Sandy no Casseta & Planeta, Urgente! (foto: Divulgação)

Cláudio Manoel, ex-integrante do Casseta & Planeta, Urgente! da TV Globo,  revelou em entrevista para Maurício Meirelles no programa Foi Mau, da RedeTV!, nesta seguinda-feira (30/08), que a atração humorística foi impedida de fazer paródias com Sandy.  

 

 

Na época, a artista era protagonista da novela das seis Estrela-Guia, exibida em 2001 na emissora carioca.

 

O ator e humorista declarou que a proibição de fazer piadas com a cantora e compositora foi uma condição imposta pelo pai dela, o sertanejo Xororó.  

 

“Sandy estava com medo da novela ser exposta, porque ela não era atriz. Então, a condição do pai dela, foi: 'Ela faz [a novela] desde que a casa a proteja desse tipo de exposição”, explicou. 

 

Cláudio ainda contou que um piloto da paródia foi feito pelo Casseta, mas nunca foi ao ar.  

 

"Fizemos uma paródia chamada Estrela-Virgem, porque não sabíamos das condições, até que nos chamaram. Foi um certo bloqueio. Não pudemos fazer", afirmou Manoel.

 

Durante o bate-papo, o comediante relembrou a morte do colega de trabalho e amigo Bussunda, que faleceu aos 43 anos, vítima de um ataque cardíaco durante a cobertura da Copa do Mundo da Alemanha em 2006.

Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: 

MAIS SOBRE SERIES-E-TV