Antonia Fontenelle detona Juliette após ex-BBB querer virar atriz

Equipe da artista até enviou um documento com objetivo de comprovar os trabalhos da paraibana como atriz. Entretanto, Sindicato dos Artistas negou registro

Reprodução/Youtube/Instagram/André Nicolau/Montagem
Antonia Fontenelle e Juliette Freire (foto: Reprodução/Youtube/Instagram/André Nicolau/Montagem)

Antonia Fontenelle continua na mídia, não só por causa do seu canal, Na Lata no YouTube , mas também por suas  polêmicas .
 
Nesta quinta-feira (23/09), a  atriz  e  youtuber  se manifestou e rasgou o verbo nos stories do Instagram  sobre a notícia de que Juliette Freire teve  o registro profissional como atriz negado  pelo Sindicato dos Artistas .
 
Sem papas na língua, Antonia afirmou que a  campeã  do BBB21 , da TV Globo , precisava estudar para obter o documento. 
 
“Eu não sabia que fazer Big Brother profissionalizava alguém em artes cênicas. Te manca, vai estudar p****”, disparou Fontenelle, utilizando ainda um print de uma matéria da Gazeta Brasil , que informava que o Sindicato dos Artistas negou o registro de atriz para a cantora e apresentadora. 
 
Confira, abaixo: 
Reprodução/nstagram
Stories de Antonia Fontenelle (foto: Reprodução/nstagram)

Entenda, o registro negado à Juliette Freire 

 
Após lançar  seu primeiro  EP homônimo, ter embarcado como  apresentadora  do TVZ , atração de clipes e música do Multishow,  a paraibana planeja mais uma empreitada no mundo artístico, mas desta vez, na dramaturgia. 
 
De acordo com as informações da colunista  Fábia Oliveira , do Jornal O Dia , a Globo  quer colocar a ex-BBB para fazer uma participação no remake da  novela  Pantanal e, por isso,  a contratada da emissora carioca  estaria tentando tirar o DRT ( Delegacia Regional do Trabalho ). 
 
Entretanto, o Sindicato dos Artistas negou o registro profissional para atuar da artista. O DRT é necessário para que o ator/atriz possa trabalhar profissionalmente em espetáculos, produtoras de cinemas e emissoras de TV. 
 
Em entrevista à coluna,  Hugo Gross , presidente da associação, justificou a decisão e explicou que a documentação não foi liberada porque Juliette ainda não tem trabalhos suficientes que comprovem sua atuação como atriz. Portanto não há embasamento profissional para que ela detenha um DRT. 
 
“A gente não pode liberar o registro para Juliette porque não há trabalhos suficientes que comprovem que ela seja atriz, portanto não há embasamento profissional para que ela detenha um DRT. O documento enviado pela equipe de Juliette, com objetivo de comprovar seus trabalhos como atriz, tinha apenas imagens da cantora fazendo comerciais para algumas lojas, após sua saída do BBB”, explicou o profissional.
Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: