Açaí com temaki: restaurantes de BH apostam na combinação para o verão

Estabelecimentos oferecem tanto iguaria japonesa, como a fruta brasileira, além de outros pratos frescos

Fotos: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press
Fotos: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press (foto: Fotos: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
O que poderia aproximar uma tradicional iguaria da culinária oriental de uma delícia típica do Norte do Brasil? Essa deve ser a dúvida de quem notou o surgimento, nos últimos meses, de casas especializadas em temaki e açaí em BH.

“Açaí e temaki são complementares e atendem à mesma tribo. O pessoal que gosta de um geralmente gosta do outro”, defende Ricardo Girão, sócio-proprietário do restaurante TAW – Temaki, Açaí, Wrap, inaugurado em outubro.

“Unir comida oriental, açaí e wrap foi a forma que a gente encontrou de entrar na onda da comida natural, que tem público crescente, além de atrair quem não gosta de comida japonesa”, explica Ricardo. Ele comanda o TAW em parceria com o sushiman Léo Chaves.

O cardápio de temakis tem como principal ingrediente o salmão, que, entre outras opções, pode vir acompanhado de cream cheese e cebolinha (R$ 15). No caso do hot camarão, o crustáceo empanado chega à mesa com cream cheese (R$ 16). Homenagem a um cliente fiel, o temaki do Pedro reúne camarão, salmão, atum, cebola roxa, crispy biscuit, cebolinha e gengibre (R$ 17).

O wrap de salmão grelhado é o mais vendido: leva cream cheese, alface-americana, cogumelo Paris e molho picante em pão folha (R$ 18). Veganos têm à disposição o wrap de cogumelo. Nesse caso, o pão folha vem com shitake, shimeji, cogumelo-de-Paris, cream cheese, alface-crespa, crispy biscuit, tomate-cereja e azeite de gergelim (R$ 22).

O cardápio também lista pokes, hot rolls, sushis, uramakis, makis, sashimis e combinados, entre outras pedidas. “Nossa proposta é oferecer comida japonesa abrasileirada. Em algumas receitas, colocamos couve, alho-poró e cream cheese, ingredientes que os orientais não usam”, explica Ricardo Girão. A brasilidade do TAW é reforçada pelo creme de açaí (de R$ 10/300ml a R$ 20/1l).

PIONEIROS
A empreitada dos engenheiros Eduardo Cruz e Thomas Swerts no ramo alimentício começou com a iguaria nortista. A primeira loja, Engenheiros do Açaí, foi inaugurada em 2012. Na época, Eduardo notou que a clientela era fiel ao restaurante japonês frequentado por ele. Veio daí a ideia de incrementar o cardápio com pedidas orientais.

Com o tempo, a loja passou a se dedicar a diferentes propostas gastronômicas. Atualmente, a franquia Engenheiros conta com quatro unidades. A mais recente, na Praça da Liberdade, administrada em parceria com Pedro Dutra e André Kallas, tem foco no trio açaí, temaki e salada.

“Esse mix gastronômico é ideal para o período de crise. Quando vendíamos apenas açaí, nosso movimento era apenas à tarde. Investindo em comida japonesa, mantemos a casa aberta nos horários de almoço e jantar”, explica Eduardo Cruz.

Com produtos frescos – os peixes chegam diariamente –, a casa tem como campeões de vendas os temakis de salmão e cebolinha (R$ 14,50) e de camarão com salmão e alho-poró crocante (R$ 16). Outra especialidade são as saladas: a bowl especial reúne salmão ou atum grelhado, alface-crespa, alho-poró, queijo minas frescal, cenoura e crocante especial (R$ 16).

Os sócios revelam que as iguarias “estrangeiras” representam o maior faturamento da franquia, mas observam que o açaí tem o seu lugar. O creme custa de R$ 9,50 (300ml) a R$ 30 (1l). Para refrescar, há o suco de frutas amarelas (laranja, manga e maracujá), que custa R$ 6 (300ml) e R$ 10 (1l).

“A Engenheiros prova que é possível montar um restaurante especializado em culinárias tão diferentes. Nossa unidade na Serra, por exemplo, oferece massas e comida oriental. Para garantir a qualidade, trabalhamos com um pizzaiolo e um sushiman profissionais”, conclui Eduardo Cruz.

ENGENHEIROS – AÇAÍ, TEMAKI E SALADAS
Praça da Liberdade, Rua Gonçalves Dias, 1.488, Lourdes. (31) 3224-8483. Funciona diariamente, das 11h às 23h.

TAW – TEMAKI, AÇAÍ, WRAP
Rua Santa Rita Durão, 850, Funcionários. (31) 3658-5417. Funciona diariamente, das 12h às 23h.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA