Reduto boêmio das madrugadas, Chopp da Fábrica vai inaugurar unidade na Pampulha

Tradicional restaurante localizado no bairro Santa Efigênia se prepara ganhar mais um endereço em BH

por Redação EM Cultura 09/04/2018 17:00

Google Maps/ Reprodução
Unidade original, no bairro Santa Efigênia, será mantida (foto: Google Maps/ Reprodução )
Destino popular para quem procura aquela refeição do “fim de noite”, ou mesmo um bom almoço regado a cerveja, com pratos tradicionais da comida mineira, o Chopp da Fábrica está prestes a ganhar mais um endereço. Um nova unidade do bar e restaurante será inaugurada na Pampulha. O estabelecimento, com abertura prevista para o mês de maio, ainda sem data definida, vai funcionar na Av. Otacílio Negrão de Lima, 2.733, onde ficava o Juscelino Deck Beer, na Orla da Lagoa.

 

O novo espaço terá capacidade para 520 pessoas e algumas novidades em relação ao restaurante original. Segundo o proprietário Bruno Delli Zotti, o local terá também um amplo espaço de lazer para crianças, estacionamento próprio, uma growler station com 13 torneiras de chope, além de cafeteria, pão de queijaria e doceria, onde os clientes poderão adquirir produtos para levar ou consumir na área do restaurante.

 

No mais, o público pode esperar o mesmo cardápio e padrão de operação da casa localizada na Avenida do Contorno, 2.736, no bairro Santa Efigênia. Inaugurado na década de 1990, o restaurante virou referência na boemia da capital não só pelas fartas refeições, mas também pelo amplo horário de funcionamento – que se estende até as 5h da manhã nos fins de semana, abrindo de segunda a segunda.

 

Entre os pratos preferidos dos frequentadores estão o mexidão, com arroz, feijão, carne de boi desfiada, ovo, couve, torresmo e linguiça, e o parmegiana de espaguete, que é um macarrão à bolonhesa servido sobre um bife à milanesa. Para quem prefere petiscar em grupo, as gamelas “do Ti Guto” (bolinho de mandioca, batata frita e contrafilé acebolado), “do Ti Paulo” (bolinho de feijão, batata frita e fraldinha de porco acebolada) e “do Ti Pupo” (bolinho de mandioca, torresmo e linguiça), todas acompanhadas de pão de queijo frito, são opções para quatro ou cinco pessoas.

 

 Andre Hauck/esp. EM
O mexidão é uma das especialidades da casa e vem nas versões para um, duas ou três pessoas (foto: Andre Hauck/esp. EM)
 

 

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE GASTRONOMIA