Endemol nega burburinhos sobre veto de Marcos Mion no Big Brother Brasil

Produtora que detém os direitos da casa mais vigiada do Brasil se manifestou através das redes sociais

Reprodução/Instagram
Marcos Mion e Tiago Leifert no Caldeirão (foto: Reprodução/Instagram)

Que continuem as apostas! A Endemol Shine Brasil, produtora que detém os direitos do reality show Big brother Brasil, se manifestou por meio de uma nota nas redes sociais. Diante de rumores de um veto ao comandante do Caldeirão, Marcos Mion, a produtora abriu o jogo e negou a informação nesta terça-feira (14/09), que teria vetado o apresentador do seu formato de sucesso.
Vale destacar, que desde que Tiago Leifert decidiu sair da TV Globo, após o fim da temporada do reality The voice Brasil, o comunicador que foi contratado recentemente, tem a torcida do público para comandar a casa mais vigiada do Brasil
 
“A Endemol Shine Brasil, criadora e detentora dos direitos do formato Big Brother Brasil, nega o boato sobre não concordar com Marcos Mion apresentar a próxima temporada do reality show no Brasil, em 2022”, diz o comunicado publicado no Instagram.
 
De acordo com as informações da colunista, Carla Bittencourt, do jornal Metrópoles, a empresa não queria à frente do reality um ex-apresentador de A Fazenda, porque os dois formatos são concorrentes no mundo afora.  
 
reality show rural da Record TV, atualmente comandado por Adriane Galisteu pertence à produtora Strix, concorrente direta da Endemol Shine, dona do formato do BBB
 
Em entrevista para à coluna de Cristina Padiglione, da Folha de S. Paulo, Renato Martinez, vice-presidente de Vendas e Conteúdo da produtora, explicou como funciona a relação da produtora com a emissora.
 
"A Endemol Shine Brasil possui uma relação aberta e criativa com seus parceiros. Respeitamos toda e qualquer decisão sobre quem comandará os formatos do nosso catálogo", afirmou o diretor. 
 
"A decisão cabe à emissora, que resolve sobre a escolha do talento que melhor lhe convém, de acordo com sua programação", completou.
 
Confira, abaixo, a nota:  

MAIS SOBRE SERIES-E-TV