Cabernet Butiquim aproveita o verão e promove festival de espumantes

Neste mês de dezembro, estabelecimento reúne rótulos internacionais, boas safras brasileiras e pratos especiais

por Walter Felix 15/12/2017 08:43

Túlio Santos/EM/D.A Press
Calor combina com espumantes, acreditam Pablo Teixeira e a chef Janaína Barrozo. (foto: Túlio Santos/EM/D.A Press)

Altas temperaturas e festas de fim de ano combinam com espumantes. Pensando nisso, os proprietários do Cabernet Butiquim, na Savassi, investem na popularidade da bebida neste mês de dezembro promovendo um festival que reúne rótulos internacionais, boas safras brasileiras e pratos especiais.

“Espumante é uma bebida mais fresca, alivia o calor e por isso cai muito bem nesta época”, explica Pablo Teixeira, que comanda o Cabernet em parceria com a irmã, Maria Cláudia.

Responsável pela seleção de rótulos, Pablo diz que a bebida vai bem com uma grande variedade de pratos. “O espumante é muito versátil, acompanha de pedidas mais leves, como frios e frutos do mar, a carnes vermelhas, se for um tipo mais encorpado”, informa. 

 

Entre os 16 rótulos selecionados, há opções dos dois métodos mais populares. O champenoise, o mais tradicional, produz vinhos de forma artesanal. Os resultados são bebidas mais intensas e marcantes, com aroma geralmente associado ao do pão recém-saído do forno. O espanhol Cristalino Jaumo Serra Brut
(R$ 79) é o destaque, mas a carta também traz espumantes brasileiros (de R$ 69 a R$ 98) e clássicos franceses (de R$ 150 a R$ 299).

 

 

O método charmat, mais comercial por demandar menos tempo, gera vinhos mais frutados e frescos. O destaque fica por conta do argentino Goulart Brut Reserve Pinot Noir (R$ 74). A carta também traz rótulos gaúchos produzidos na Encruzilhada do Sul (R$ 58 cada), como o Lídio Carrero Faces Brut, que é ofertado também em taça (R$ 12).


“Além dos bruts tradicionais, mais palatáveis e com até 12g de açúcar por litro, oferecemos quatro opções de brut nature, todas elaboradas no método champenoise. Por terem 0% de açúcar, são boas pedidas para diabéticos e aqueles que não gostam de bebidas doces”, afirma Pablo Teixeira.

No estilo brut nature, ele destaca duas opções: o catarinense Cave Pericó Nature
(R$ 99), destaque da produção nacional, e rótulos da Quinta da Bagéiras Bruto Natural, vindos da região de portuguesa da Bairrada, nas opções Reserva 2004 (R$ 112) e Super Reserva 2007 (R$ 139).

Quem prefere espumantes mais doces tem à disposição o Vivaia Moscatel (R$ 66), produzido em Santa Catarina.

 

HARMONIZAÇÃO A chef Janaína Barrozo elaborou cinco pratos para harmonizar com os espumantes. A picanha suína servida com farofa de feijão-de-corda, melaço de cana e vinagrete de ora-pro-nóbis (R$ 44) pede bebida mais encorpada, como o Quinta da Bagéiras Bruto Natural Super Reserva 2007.

 

Túlio Santos/EM/D.A Press
Picanha suína com farofa de feijão-de-corda. (foto: Túlio Santos/EM/D.A Press)

As demais pedidas combinam com a maioria dos rótulos disponíveis. São elas: tartar de carne de sol e chips de cará (R$ 35); burrata ao tartufo branco no carpaccio (R$ 59); moules frites, com mexilhão ao vinho branco e fritas do cabernet (R$ 34); e fritto misto, mistura de camarão, peixe branco e lula (R$ 46).

Pratos habituais da casa seguem no cardápio. A porção de bolinhos de bacalhau custa R$ 27. Vegetarianos podem optar pelo mix de antepastos com focaccia vegana (R$ 28,50) ou a polenta frita com provolone italiano e chutney de cebolas (R$ 28).

No restaurante funciona um empório com vinhos, doces, queijos e frios mineiros e importados. Os produtos adquiridos ali podem ser levados para casa ou consumidos no local. A opção costuma ser econômica, oferecendo descontos de até 25% sobre o preço do cardápio.

TEMPORADA DE ESPUMANTES
Cabernet Butiquim. Rua Levindo Lopes, 12 e 22, Savassi, (31) 3889-8799. O festival será realizado até o fim de dezembro. A casa funciona de terça-feira a domingo, das 11h30 à 0h30. Excepcionalmente, vai abrir na
segunda-feira (18/12), das 18h30 à 0h30.

* Estagiário sob supervisão da editora assistente Ângela Faria

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA