Marina e Sofia Liberato, filhas gêmeas de Gugu Liberato são emancipadas

Descontentes com a gestão de bens do apresentador, herdeiras entraram na disputa pela herança do comunicador

Reprodução/Instagram
Filhas gêmeas de Gugu Liberato são emancipadas (foto: Reprodução/Instagram )

Nesta quinta-feira (08/07), as filhas gêmeas de Gugu Liberato (1959-2019), Marina e Sofia Liberato, de 17 anos, do relacionamento com a médica Rose Miriam Di Matteo, foram emancipadas, de acordo com as informações da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.  

 

 

Ainda de acordo com a publicação, as jovens estariam insatisfeitas com a falta de informações sobre a administração dos bens e o processo de inventário, que é conduzido por Aparecida Liberato, irmã do apresentador e pelos advogados Dilermando Cigagna Júnior e Carlos Regina.  

 

Emancipadas, agora as filhas podem decidir por si próprias judicialmente na batalha pela herança de Gugu avaliada em R$ 1 bilhão. E a decisão de emancipar Marina e Sofia partiu da mãe.

 

As jovens contrataram o advogado Nelson Wilians, que atua no processo de reconhecimento de união estável de Rose Miriam.   

 

Juntas, as gêmeas têm direito a 63% da herança do comunicador. Em dezembro, elas completam 18 anos. 

 

Ao morrer em 2019, Liberato dividiu sua herança entre os três filhos, João, Marina e Sofia e os cinco sobrinhos, além de uma pensão vitalícia para a mãe, dona Maria do Céu.  

 

Segundo o veículo, o apresentador deixou postos de gasolina, terrenos, estúdios de TV, prédios comerciais e muitos outros imóveis, além de uma quantia de R$ 193 milhões no banco.  

Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: