Manteiga de garrafa: sabor do Nordeste é toque especial em receitas do Botecar

Bares participantes do festival investem na iguaria para acompanhar pratos que são a cara de Minas

por Fernanda Machado 17/04/2015 16:32

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Concebida como um mapa de homenagens a cidades mineiras, a edição 2015 do festival Botecar conta com pratos que representam cada canto do estado. Volta e meia, entretanto, alguns ingredientes se fazem presentes em mais de uma região.

 

É o caso da manteiga de garrafa, iguaria quase-líquida que rega assados, acompanha cozidos e embrulha frituras em receitas sempre especiais. No menu deste ano, o ingrediente de origem nordestina é item garantido em três pratos, que correspondem a diferentes áreas de Minas. Conheça as atrações do Botecar que levam manteiga de garrafa:

 

Festival Botecar/Divulgação
(foto: Festival Botecar/Divulgação)
Petiscar

Desenvolvida na Petisqueira do Teté, a receita é uma homenagem à cidade de Montes Claros, polo cultural do Norte de Minas. A mistura de tradições culinárias consiste em carne de sol assada na manteiga de garrafa com alho dourado, mandioca amarela também banhada na manteiga e bolinhos de arroz com pequi. Preço: R$ 27,90. Petisqueira do Teté (Rua Lourival Gonçalves Oliveira, 96, Palmeiras).

 

Festival Botecar/Divulgação
(foto: Festival Botecar/Divulgação)
Tradição da terra

No Adega e Churrasco, a carne de sol também é base do prato desenvolvido com manteiga de garrafa. Trata-se de queijo cabacinha recheado com purê e a carne, que é desfiada com legumes salteados em manteiga. O acompanhamento de banana da terra frita aproxima ainda mais o sabor à cidade de Pedra Azul, no Vale do Jequitinhonha, homenageada pelo prato. Preço: R4 28.90. Adega e Churrasco (Rua Maura, 120, Palmares)

 

Festival Botecar/Divulgação
(foto: Festival Botecar/Divulgação)
Passabém

No Amarelim do Prado, o sabor da manteiga de garrafa é trazido à Região Metropolitana de Belo Horizonte, com prato que rende tributo à cidade de Passabém. A receita é maçã de peito ao molho de agrião do chef, acompanhada por mandioca cozida com manteiga de garrafa e espinafre. Preço: R$ 29,90. Amarelim do Prado (Avenida Francisco Sá, 658, Prado).



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA