Sinfônica Pop convida Chico César e apresenta arranjos orquestrais para o novo trabalho do cantor

Neste sábado (11/11) e domingo (12/11), o músico se apresenta no Palácio das Artes ao lado da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, sob a regência do maestro Sérgio Gomes.

por Mariana Peixoto 11/11/2017 08:00
Túlio Santos/EM/D.A.Press
Chico César ensaia com a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais no palco do Grande Teatro do Palácio das Artes. Apresentações serão hoje e amanhã (foto: Túlio Santos/EM/D.A.Press)

Depois de uma boa pesquisa, o músico e arranjador Fred Natalino descobriu Quando chega o carnaval, a primeira canção composta (e nunca gravada) por Chico César. O registro foi encontrado em uma antiga entrevista do músico paraibano à Rádio Senado. Em dado momento, Chico cantarolou a canção.

Pois um pequeno trecho dela estará na abertura da edição do projeto Sinfônica Pop dedicado a Chico César. Neste sábado (11/11) e domingo (12/11), o músico se apresenta no Palácio das Artes ao lado da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, sob a regência do maestro Sérgio Gomes.

Antes que Chico suba ao palco, a OSMG vai interpretar uma suíte arranjada por Natalino. No momento instrumental, estarão trechos de 42 canções compostas por Chico, executadas ao longo de cinco minutos. É um trabalho quase de ourivesaria, que Natalino vem empreendendo a cada nova edição do projeto.

“A partir do Sinfônica Pop com Luiz Melodia (há quase dois anos) nos foi proposto que houvesse uma abertura instrumental, antes de o artista convidado entrar em cena”, lembra Natalino. Com Melodia, ele criou uma suíte a partir de 14 canções. A cada novo artista convidado – Elba Ramalho, José Miguel Wisnik, Lenine – Natalino aumentou o número de canções para a suíte, até chegar às 42 de Chico César.

Projeto que une a música popular à música de concerto, a Sinfônica Pop vai se debruçar nesta edição sobre o repertório mais recente de Chico, por sugestão do próprio (confira lista nesta página). “Quando houve o convite, pensei no show do DVD Estado de poesia ao vivo (lançado em junho) que estamos fazendo em todo o país. A diferença aqui é a participação da orquestra”, conta ele. Além dos músicos da OSMG, os dois concertos vão contar com três instrumentistas que acompanham Chico: o baterista Gledson Meira, o pianista Xisto Medeiros e a baixista Lana Ferreira.

Em BH desde meados desta semana para ensaiar com a OSMG, Chico comentou que os ensaios foram maravilhosos. “Eu já tinha recebido os arranjos, mas nada se compara à presença dos músicos e do maestro. Ver as pessoas executando as canções é muito diferente de um computador”, comenta ele, que já teve seu repertório vertido para arranjos orquestrais em outras ocasiões.

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE MUSICA