'Decepção como cidadão', dispara Zélia Duncan sobre Neymar

Cantora seguiu a linha de Patrícia Pillar nas críticas contra jogador

Divulgação/Montagem
Zélia Duncan e Neymar (foto: Divulgação/Montagem)

Após Patrícia Pillar se mostrar nada contente com as declarações de Neymar, a cantora Zélia Duncan também resolveu se pronunciar sobre o craque e usou o twitter para dar a sua opinião referente ao jogador do PSG. 

 

Na última quinta-feira (09/09), Neymar relatou que não recebe a consideração que merece dos torcedores brasileiros. O desabafo foi após a vitória da seleção sobre o Peru por 2 x 0. 

 

"Não sou de futebol, mas Neymar me parece até agora uma promessa como atleta e uma decepção como cidadão. Quer respeito? Dê-se a ele e mostre serviço. Ah, e pague seus impostos", começou a cantora.

 

Logo depois, Zélia compartilhou um post com a seguinte mensagem: "Puxa, gente, então o Neymar acha que não é respeitado como deveria? Alguém aí avisa a ele que nunca será. Respeito é coisa que se conquista e quem bate à porta dos trinta anos com comportamento de moleque perdeu qualquer possibilidade de chegar lá", enfatizou a artista. 

 

 

Patrícia Pillar Alfineta Neymar

 

O bate boca começou após a Patrícia criticar o jogador Neymar pelo fato dele comentar que "vai ser um honra" passar Pelé e de superar a marca do artilheiro. A atriz não gostou da declaração, já que o Rei do Futebol se encontra internado na UTI com problemas de saúde desde o final do último mês. 

 

"Ah pronto, tenho que parar de fazer gol agora", disse Neymar na última segunda-feira (13/09). Logo depois do craque se posicionar, Patrícia voltou a se pronunciar sobre o assunto e trouxe o seu ponto de vista para a crítica, e pediu mais "empatia e educação" para o jogador.

 

"Por uma questão de empatia e educação, não era hora para dizer que passaria o Pelé na artilharia. São essas delicadezas da vida que talvez você ainda não tenha aprendido", disparou a atriz no comentário da sua publicação, que voltou a ser rebatida pelo atacante. Neymar citou o seu Instituto como o seu "gol mais bonito"