Karina Bacchi revela que deixou de atuar após ler sobre adultério na Bíblia

A artista integrou elenco de grandes novelas, como Pícara Sonhadora, O Clone, Da Cor do Pecado e Caminhos do Coração

Reprodução/Instagram
Karina Bacchi (foto: Reprodução/Instagram)

Karina Bacchi abriu o jogo e revelou porque decidiu abandonar a profissão de  atriz  e não fazer mais novelas.

No canal Positivamente Podcast , apresentado por ela no Youtube , num bate-papo com o pastor Rodrigo Silva , ela revelou que abandonou a carreira na  dramaturgia  por conta do que está escrito na Bíblia Sagrada sobre adultério.

 

"Na Bíblia, a gente vê que Deus não se agrada do adultério. Uma atriz casada que vai interpretar uma cena na qual ela vai ter que beijar, abraçar... Aquilo não é considerado adultério? Acho que estaria sendo contra o que a Bíblia diz. Isso é algo que me conflitou demais", afirmou.

 

Na sequência, ela declarou que não conseguiria mais ter essa postura na frente das câmeras por levar em consideração o conteúdo bíblico.

 

"Eu deixei a minha carreira por conta não só da Bíblia, mas também porque eu não me sentia à vontade em estar atuando, mesmo sabendo que aquilo não era eu, era um personagem. Eu deixei de atuar por opção, por escolha, por causa disso", contou.

 

O cristão, então, comentou a declaração de  Karina  e afirmou que se fosse ator, não beijaria outra atriz em cena.

 

"Sua pergunta é muito pertinente. Tenho que responder com certa clareza e ética ao mesmo tempo. Eu tenho os meus limites nesse papel, sou apenas o consultor. Eu, pessoalmente, se fosse ator, não faria o beijo com outra mulher", declarou.

 

Vale destacar, que  Bacchi  atuou em grandes produções como Pícara sonhadora ( 2001 ), do SBT , O Clone ( 2001 ), Da cor do pecado ( 2004 ), ambas da TV Globo e Caminhos do coração ( 2007 ), da Record TV , foi a sua última obra.

 

Confira, abaixo, a entrevista na integra: