Corte Devassa: de espartilhos soltos, foliões exaltam orgia na Sapucaí

Bloco com temática da realeza francesa do século XVIII reúne foliões no Bairro Floresta

12/02/2018 16:25

Ver galeria . 32 Fotos Bloco Corte Devassa transforma o carnaval de BH em um espaço de combate ao preconceito. Cortejo é conhecido por receber foliões com fantasias que remetem à realeza francesa do século XVIII, com um toque de lascividadeGladyston Rodrigues/EM/D.A.Press
Bloco Corte Devassa transforma o carnaval de BH em um espaço de combate ao preconceito. Cortejo é conhecido por receber foliões com fantasias que remetem à realeza francesa do século XVIII, com um toque de lascividade (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A.Press )

"Maria Antonieta e Carlota Joaquina cansaram de ser mulheres recatadas e rasgaram suas saias". A mensagem é do Bloco Corte Devassa, que há seis anos no carnaval de BH, começou a concentração para a festa desta segunda-feira por volta das 14h, na esquina da Avenida Assis Chateaubriand com a Rua Sapucaí, no Bairro Floresta. Uma hora depois, era possível ver um desfile de perucas, espartilhos, cinta-ligas e rostos pintados ao estilo da corte francesa do século XVIII.

Quem chegou de cara limpa contou com a ajuda de outros foliões para entrar no estilo do bloco. Pó branco, batom e outros adereços eram divididos na rua mesmo, enquanto a bateria ensaiava para começar a festa.

A mensagem da Corte Devassa prega liberdade e respeito às diferenças. Organizadores lembram que a única coisa que não entra no bloco é preconceito. Portanto, quem quiser curtir o desfile deve deixar de fora a homofobia, transfobia, gordofobia, machismo e racismo. 


VÍDEOS RECOMENDADOS