Restaurante Del Mare garante preços justos para receitas variadas

Nova casa do Bairro Gutierrez é comandada pela chef Deborah Auharek

por Eduardo Tristão Girão 17/01/2014 06:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
André Hauck/Esp. EM/D. A Press
(foto: André Hauck/Esp. EM/D. A Press)
Se sair para comer é algo que quase sempre termina com uma conta cara, imagine quando o prato pedido é de peixe ou frutos do mar. Nesse contexto, chama a atenção a recente inauguração do restaurante Del Mare, no Gutierrez. Não que seja barato (e não é), mas quem conhece os preços da Zona Sul certamente identificará valores abaixo da média. O cardápio lista sobretudo receitas na linha variada, com significativo número de italianas e algumas brasileiras.

Leia mais sobre gastronomia no Blog do Girão

 
“O preço é justo. Colocamos nossa margem de lucro e não extrapolamos. Preferimos vender número maior de pratos e ter lucro normalmente. Por que comprar lagosta por preço justo e jogar o preço lá em cima”, questiona a chef Deborah Auharek, que comanda a casa com o sócio e colega de fogão Washignton Ronda. Mais experiente, ele passou por várias casas no Rio de Janeiro, São Paulo e Recife. Já ela, largou a publicidade e passou pelo Jardim Gourmet Bistrô, na cidade mineira de Itaúna.

Os dois se conheceram trabalhando no extinto Emporium União (também especializado em pescados), no mesmo bairro, e ocuparam imóvel onde funcionava o bar Particular, próximo ao um dos pontos mais conhecidos da região. Com ambiente simples, tem quase 50 lugares em mesas de fórmica preta e sem toalha. “Não queríamos sair daqui. Ponto a gente faz. Se o cliente gosta da comida, ele vem”, acredita ela.

Criado pela dupla, o cardápio começa com porções de petiscos tais como lula dorê e molho tártaro (R$ 26), casquinha de siri (gratinada com requeijão; R$ 13, unidade) e bolinho de bacalhau feito na casa (R$ 22, oito unidades). Entre os pratos para compartilhar (duas pessoas), o freguês encontra caldeirada de lagosta com camarão (R$ 92,50), paella de frutos do mar (R$ 78,50), bobó de camarão (com farofa e arroz; R$ 75) e moqueca baiana (R$ 76) - para todos, há versões para uma pessoa.

BAROA Na seção de pratos principais individuais, a aposta é na diversificação de guarnições. O badejo em crosta de gremolata com arroz de nozes, por exemplo, chega à mesa com purê de tomate seco (R$ 49). Já as lulas recheadas com cogumelos e pancetta são servidas com arroz e molho teriyaki picante. Os que preferem massas e risotos, encontram pedidas como o nhoque de batata baroa (feito no local) ao molho de tomate, lula e mexilhão (R$ 44) e o risoto de frutos do mar com cúrcuma (R$ 59). Durante a semana, o almoço executivo tem pratos do cardápio e sugestões do dia a preços mais baixos, sempre com salada.

Como trabalhou na confeitaria do Copacabana Palace, Ronda não deixou que a seção de sobremesas ficasse com poucas opções. São oito, sendo o minicorneto de chocolate e avelã com redução de leite queimado (R$ 12), a torta de banana com crocante de biscoito Negresco (R$ 14) e o pudim de leite com flor de sal (R$ 10) algumas delas. O petit gâteau (R$ 14), servido com sorvete, é produzido no local. Para beber, caipivodca e caipisaquê (entre R$ 12 e R$ 15, cada), cerveja long neck (R$ 6) e vinhos (a maioria dos 17 rótulos está na casa dos R$ 50).

 

Del Mare
Rua Estácio de Sá, 10, loja 1, Gutierrez, (31) 2514-3208. Aberto terça e quarta, das 12h às 15h; quinta a sábado, das 12h às 15h e das 19h às 23h; domingo, das 12h às 17h.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA