Dia Mundial do Macarrão é festejado no no próximo dia 25

De onde ele vem é o que menos importa. Bom é que existem mais de 500 variedades de tipos e formatos de macarrão

por Marianna Rios 21/10/2013 10:15

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Saint Andrews/divulgação
(foto: Saint Andrews/divulgação)
O Brasil é o terceiro maior consumidor de massas do mundo, perdendo apenas para a Itália e os Estados Unidos. Somente em 2012, os brasileiros comeram mais de mil toneladas de macarrão, de acordo com a Associação Brasileira das Indústrias de Massas Alimentícias e Pão & Bolo Industrializado (Abina). Em comemoração ao Dia Mundial do Macarrão, festejado no no próximo dia 25, o caderno Degusta traz uma proposta refinada: a iguaria com molho de trufas. Aliás, acabou de ocorrer em Gramado (RS) o 2º Festival de Trufas Brancas, do Hotel Saint Andrews. Com trufas da região da Toscana, o menu degustação foi composto por oito opções, da entrada à sobremesa. O aroma inigualável do tartufo bianco italiano – uma rara iguaria que não pode ser cultivada – aguçou os paladares mais exigentes. Com menu elaborado pelo chef italiano Claudio Savitar, um dos principais especialistas mundiais na elaboração de pratos aromatizados com trufas, o festival, em sua segunda edição, foi um sucesso.


Da entrada à sobremesa, tudo foi especialmente concebido para que todos pudessem apreciar o sabor refinado das trufas brancas. Para iniciar, Savitar serviu capuccino ao funghi porcini; carpaccio de filet mignon com lascas de parmesão e tartufo; e ovo caipira sobre o pão (brioche) finalizado com lâminas de trufas. Para os pratos principais, a escolha recaiu, é claro, sobre a pasta tagliollini fresca, risoto trufado, filé de linguado com azeite de oliva toscano acompanhado de purê de mandioquinha e costeleta de cordeiro com polenta branca. Para finalizar, uma sobremesa especial de sorvete de nata com mel ao zafferano, lascas de pecorino trufado e sal do Himalaia. Para tornar este momento ainda mais especial, os pratos puderam ser harmonizados com os melhores vinhos disponíveis na adega do hotel, sugeridos pelo sommelier Gustavo Bertolucci.
Para combiná-la ao macarrão, a trufa branca exige um cortador específico, com lâminas ultrafinas, pois quanto mais fina for cortada, mais intenso é o sabor. A espessura ideal é a de uma folha de papel. Além das massas a iguaria combina além das massas, com risotos e ovo frito. Pode ser comida também como pão. A trufa branca chega a custar cinco vezes mais que a preta. Curiosidade: em 2009, uma trufa branca de 750 gramas foi leiloada por 100 mil euros (R$300 mil) na Itália. E em 2010, um exemplar de 900 gramas foi arrematado por 105 mil euros.

Em meio às trufas Claudio Savitar foi para Gramado especialmente para realizar no Saint Andrews o festival. A primeira edição, no ano passado, também foi realizada por ele. O chef é considerado o maior especialista em trufas da atualidade. Ele criou a empresa que leva seu sobrenome, a Savitar, em 1987, na cidade de Forcoli, na região da Toscana, de onde vêm as iguarias. A empresa inicialmente comercializava apenas trufas brancas, mas hoje seus produtos são encontrados nos melhores restaurantes do Brasil, Europa e Estados Unidos.


Ele praticamente cresceu colhendo trufas. Começou com 12 anos, passando fins de semana na floresta com o pai. Logo passou a entregar as preciosas encomendas para clientes e restaurantes na Florença e arredores. Com o tempo, Claudio ficou independente, colhendo e vendendo suas próprias trufas e chegando até Milão. Em 1987, fundou a Savitar e passou a se dedicar à criação de produtos derivados das trufas negras e brancas selecionadas e agora colhidas por profissionais de sua confiança. Entre os produtos de destaque da Savitar estão o mel, manteiga e o azeite trufados. Esses três últimos, juntos com a trufa negra in natura e em lâminas, fazem parte do Menu al Tartufo, que vai rolar na Vinheria.


Claudio também participa regularmente de eventos importantes do mundo da gastronomia, como o Parma Cibus, a Fancy Food New York e o Boa Mesa São Paulo. O chef é sempre bem-vindo ao Brasil. Aliás, já esteve várias vezes por aqui trabalhando com alguns colegas importantes da gastronomia brasileira, como Alex Atala, Carla Pernambuco e Laurent Suaudeau, entre outros. Em homenagem ao Dia Internacional do Macarrão, segue uma receita que une as duas saborosas iguarias.

 

 

Tortellini com trufas

(serve 4 porções)

Ingredientes


- 200g de macarrão tipo tortellini

- 25g de manteiga trufada;
- 50g de manteiga comum

- 50g de parmesão ralado;
- 1 gema de ovo

- sal e pimenta branca em grãos e lâminas de trufas branca ou negra q.b.

Modo de fazer

Prepare 200g de tortellini al dente em água com sal. Para o molho:  misture numa tigela a manteiga trufada, a gema de ovo e o queijo parmesão. Coloque o tortellini em uma frigideira larga e tempere-o  com o molho. Disponha-os numa travessa e sirva-os imediatamente, bem quente, polvilhando com a pimenta branca moída na hora e cobrindo com lascas de trufas branca (ou negra).

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA