Eleito sexto melhor chef do planeta, Alex Atala fala sobre gastronomia latina em evento na Cidade do México

Chef participou do encerramento da segunda edição do Mesaamérica nesta quarta-feira, 22

por AFP - Agence France-Presse 23/05/2013 10:28

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
AFP PHOTO/RONALDO SCHEMIDT
(foto: AFP PHOTO/RONALDO SCHEMIDT )

O chef brasileiro Alex Atala participou nesta quarta-feira, 22, na Cidade do México, do encerramento da segunda edição do Mesaamérica, um evento gastronômico que reuniu estrelas da área.

"Hoje, temos que nos sentir grandes e saber que não somos mais os patinhos feios. Acho que vivemos um momento histórico, um processo de mudança", disse Atala, o sexto melhor chef do planeta, de acordo com o site theworlds50best.com (os 50 melhores restaurantes do mundo), durante o encontro que combinou conferências e demonstrações culinárias.

Embora o ranking continue dominado por europeus, Atala, chef do premiado restaurante D.O.M de São Paulo, é otimista: "Da lista dos 50 melhores do mundo, somos seis latino-americanos, mais de 10%".

Cerca de 2.000 pessoas acompanharam as reflexões dos seis grandes mestres da gastronomia atual: Jordi Roca (El Celler de Can Roca, Espanha), René Redzepi (Noma, Dinamarca), Massimo Bottura (Osteria Francescana, Itália), Adoni Luis Aduriz (Mugaritz, Espanha), Daniel Humm (Eleven Madison Park, EUA) e Atala.

Em sua apresentação no evento, o chef brasileiro e defensor da cozinha como ferramenta social misturou tomates, ervas, gafanhotos e camarões para criar o prato "Luta Livre", uma festa de sabores em homenagem à cultura mexicana.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA