BBB21: Gil pede desculpas para Juliette e afirma: 'Passei do ponto'

No programa ao vivo desta segunda (29), o economista acusou a sister de 'se colocar sempre como protagonista' e de 'não enxugar as lágrimas quando chora'

Reprodução/Globo
No Jogo da Discórdia dessa segunda (29), os dois trocaram farpas ao se classificarem como 'caça-likes' (foto: Reprodução/Globo)
Não é de hoje que Gilberto e Juliette estão com a relação abalada dentro do Big Brother Brasil 21. Entre tapas e beijos, os dois tiveram mais uma DR na madrugada desta terça-feira (30/3). 

Após o Jogo da Discórdia dessa segunda (29), Gil conversou com Juliette e pediu desculpas pelo que falou sobre ela no programa ao vivo. 

 

Juliette não gostou da justificativa do brother e disparou: “Tô cagando pra placa. Foi o que você falou, esse negócio de duvidar do meu choro e de toda vez que eu for falar de alguém, ficar se botando no centro. Eu fico dando exemplo do que eu já vivi, bicho".

"Eu não achei justo o que você falou, não. Essa justificativa eu me magoei, vou mentir?", disse a sister.

"Eu estava no auge da minha raiva”, justificou Gil.

“Tu descredibilizou minha profissão e minhas emoções, em uma cajadada só", ponderou a paraibana. 


Gil, então, continuou seu pedido de desculpas, afirmando que ‘passou do ponto’: "Peço desculpas por ter lhe magoado. Não era a minha intenção. Fui guiado, sim, pela raiva. Eu realmente passei do ponto. Tanto que saí incomodado. Te peço desculpa por isso, por ter duvidado da sua lágrima, por ter descredibilizado sua profissão, não era o que eu queria".
 
No bate-papo, ela ainda apontou que o economista vive falando mal dela pela casa: "Até quando tu acha que eu vou aguentar você falando de mim?".

"Você é fofoqueiro. E tem mais: acredita nas fofocas e não tem peito para perguntar", completou a advogada. 

"Eu tenho peito, sim", disse o pernambucano. "Por que não perguntou a mim, então?", rebateu a sister. 


Mesmo com a DR, Gil se declarou para a sister, em tom conciliador: “Eu te amo, a verdade é essa! Por que tu não me puxou ontem? Porque tu me ama! Eu sei que tu me ama”.

“E eu também não boto (no paredão) porque te amo", continuou ele, sorrindo.

“Como você gosta de mim se acha que minhas lágrimas são de mentira?”, indagou a sister. 


A conversa entre os dois continuou durante a madrugada e Juliette, por fim, aconselhou o economista: "Nada apaga ou justifica a forma que você tem lidado com as coisas aqui comigo. Para! Eu não sou tua mãe, eu não sou tua irmã... Para de acreditar em fofoca e agir baseado em raiva. Para de falar dos outros sem saber, para com isso. Eu estou dizendo dez vezes. Eu já disse antes".

A paraibana continuou: "Tu fecha teus ouvidos para mim, depois que as coisas acontecem tu vem pedindo desculpa e aí tu quer que eu te desculpe. Eu já desculpei uma, duas, três, quatro... Eu já estou machucada e calejada. Eu não aguento mais. A verdade é essa".
 

Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: 

MAIS SOBRE SERIES-E-TV/REALITIES