Netflix anuncia série brasileira em parceria com Carlos Saldanha

'Cidades invisíveis' começará a ser produzida no fim de 2018 e contará a história de um submundo dominado por seres fantásticos, baseados no folclore brasileiro

por Correio Braziliense 20/06/2018 17:19
JEAN-BAPTISTE LACROIX
Saldanha é conhecido pelo trabalho em produções como 'A era do gelo' (2002), 'Rio' (2011) e 'O touro Ferdinando' (2017) e já foi indicado ao Oscar duas vezes (foto: JEAN-BAPTISTE LACROIX)
A Netflix anunciou, nesta quarta-feira (20), a criação da série original Cidades invisíveis, parceria com o diretor brasileiro Carlos Saldanha. O trabalho começará a ser produzido no fim deste ano. No total, serão oito episódios com uma hora de duração cada um. 

O enredo contará a história de um submundo dominado por seres fantásticos, baseados em criaturas do folclore brasileiro. Na trama, um detetive entrará numa guerra entre dois mundos ao investigar uma morte. 

Em comunicado à imprensa, Carlos Saldanha falou sobre as inspirações para a criação do trabalho. “Cidades invisíveis é um projeto de paixão de uma vida que me traz de volta a filmar em meu país. Estou emocionado por poder levar um olhar contemporâneo do folclore brasileiro a milhões de pessoas ao redor do mundo conectadas através da Netflix”, afirmou. 

Erick Barmack, vice-presidente de conteúdo original da Netflix, também comentou sobre a novidade. “Este novo projeto marca um momento importante em nossos originais brasileiros à medida em que adicionamos um novo gênero aos diversos conteúdos que temos trabalhado para oferecer aos nossos públicos, desfrutando da mistura cultural que torna o Brasil uma fonte rica e interessante de histórias com apelo universal. Estamos muito animados por fazer isso em parceria com um diretor talentoso e reconhecido mundialmente como o Carlos Saldanha”, explicou o profissional.

Saldanha é conhecido pelo trabalho em produções como A era do gelo (2002), Rio (2011) e O touro Ferdinando (2017). A carreira do carioca nos Estados Unidos começou em 1999, quando o animador trabalhou no cargo de diretor de animação para o filme Clube da luta (1999). Saldanha já foi indicado ao Oscar duas vezes com as produções Aventura perdida de Scrat, em 2004, e O touro Ferdinando, neste ano. 

Além de Cidades invisíveis, a Netflix conta com outras séries originais brasileiras, como 3% e O mecanismo, e o filme O matador, já disponíveis no catálogo. Além disso, o serviço receberá, em breve, as produções Samantha! — com estreia prevista para julho —, Coisa mais linda, Ninguém tá olhando, Laerte-se e Sintonia. 

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE SERIES-E-TV