Spike Lee adapta seu primeiro sucesso, 'Ela quer tudo', para a Netflix

Cineasta adapta seu primeiro sucesso, Ela quer tudo, para a Netflix. Na série homônima, protagonista corre atrás dos sonhos enquanto tenta conciliar namoro com três parceiros

por Agência Estado 20/11/2017 08:57

David Lee/Netflix
Greer Childs (Cleo Anthony) é refinado e um dos amantes de Nola Darling (DeWanda Wise). (foto: David Lee/Netflix)

Famosa obra de Spike Lee, o filme Ela quer tudo (1986) é a base da incursão do cineasta em uma série original Netflix. Por sugestão da esposa, Tonya Lewis Lee, ele adaptou o longa para esse formato e fez uma releitura contemporânea. Assim nasceu a comédia homônima, com 10 episódios, que estreia no serviço de streaming na próxima quinta-feira, dia 23.

Ambientada em Nova York, a atração é dirigida pelo próprio Lee, também produtor-executivo ao lado de Tonya. A trama funciona como uma crônica do Brooklin, o polo noturno e cultural onde vive, trabalha e se diverte a protagonista Nola Darling (DeWanda Wise). Na faixa dos 20 e tantos anos, Nola é uma artista plástica que corre atrás dos seus sonhos e cultiva as amizades. Namoradeira e extremamente independente, ela sente orgulho de não ser “propriedade de ninguém”.

Nola se relaciona ao mesmo tempo com Greer Childs (Cleo Anthony), Jamie Overstreet (Lyriq Bent) e Mars Blackmon (Anthony Ramos). Leva a vida amorosa com naturalidade e total franqueza. “Monogamia nunca foi uma possibilidade nem remota para mim”, diz a personagem em um trecho do trailer de divulgação da série.

 

  

É difícil optar por um dos parceiros, até porque eles se completam em suas diferenças. Mars, o mano da quebrada, é o sujeito divertido que faz Nola rir até a barriga doer. Já Greer é refinado e espontâneo, enquanto Jamie, da área de finanças, é um homem maduro e protetor.

CENA ESTÚPIDA Os malabarismos da moça e seus namoros são embalados por belas paisagens urbanas e musicalidade. Spike Lee inclui interlúdios e tributos aos seus artistas favoritos nos episódios da série. E, felizmente, o diretor não repete a cena de estupro da produção da década de 1980, considerada por ele hoje em dia como “estúpida’ e ‘imatura”. 

 

Abaixo, confira o trailer: 

 


ELA QUER TUDO
Estreia: 23 de novembro
Primeira temporada
10 episódios
Netflix

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA