Netflix ironiza 'carnívoros' em comercial do filme 'Okja'

Longa original do serviço de streaming reflete sobre o consumo de carne

por Estado de Minas 10/07/2017 12:25
Netflix/Reprodução
Mija (Seohyun An) arrisca tudo para que uma empresa de alimentos não sequestre sua melhor amiga, Okja. (foto: Netflix/Reprodução)
Na manhã desta segunda-feira, 10, a Netflix divulgou um vídeo para promover o filme Okja, que chegou à plataforma no dia 28 de junho, com Jake Gyllhenhaal, Tilda Swinton e Lily Collins no elenco, e dirigido pelo sul-coreano Joon-Ho Bong

Nele, uma atriz aparece fazendo compras em um supermercado e a legenda diz ''antes de Okja'', ao que ela pega os produtos feitos à base carne com indiferença. Depois disso, ao já ter assistido o filme, a atriz chora ao ver os mesmo produtos. 

Confira: 
 

Okja chegou à Netflix envolto por uma série de polêmicas. O longa foi submetido ao Festival de Cannes, marcando a primeira vez que o evento francês autorizou títulos de plataformas digitais para concorrer na mostra. No entanto, a determinação desobedeceu a legislação francesa, que impede os filmes de serem exibidos nos cinemas caso o produto já esteja disponível na internet. 

O contratempo fez que com que a organização do festival modificasse as regras e, a partir de 2018, todo o filme lançado em Cannes deverá ser distribuído em salas de cinemas franceses após o término da mostra. 
 
Okja acompanha a história de Mija (Seohyun An), uma jovem que arrisca tudo para evitar que uma poderosa empresa multinacional de alimentos sequestre sua melhor amiga, um 'super porco' genéticamente modificado chamado Okja. 

A espécie, 'descoberta' no Chile, na verdade é criada em laboratório e tem 26 animais enviados para países distintos, de forma que cada fazenda que o receba possa apresentá-lo à sua cultura local. Os animais devem permanecer espalhados ao redor do mundo ao longo de 10 anos e, após esse período, participarão de um concurso que escolherá o melhor deles.
 
Abaixo, confira o trailer de Okja:
 
 
 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA