PBH amplia inscrições de artistas para shows no carnaval 2019

Edital para interessados em participar da programação oficial da folia podem ser inscrever até 25 de janeiro

por Pedro Lovisi* 16/01/2019 06:00
Alexandre Guzanshe/EM/DA Press
Baianas Ozadas já esquentou os tamborins para a folia na capital (foto: Alexandre Guzanshe/EM/DA Press)


Os artistas interessados em concorrer a um espaço na grade da programação oficial da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) para o Carnaval 2019 terão alguns dias a mais para se inscrever no processo de seleção. A administração municipal informou que o edital presente no portal da prefeitura se prorrogará até 25 de janeiro, três dias a mais do que estabelecido anteriormente.

Após as inscrições, os participantes terão que participar de três etapas para serem selecionados. Os candidatos que apresentaram a documentação correta terão seus portfólios analisados por uma Comissão Especial de Avaliação. Nela, os artistas serão pontuados de acordo com os critérios publicados no edital. A classificação final será publicada no Diário Oficial do Município (DOM) e os finalistas serão convocados em seguida.


De acordo com a PBH, artistas de todos os estilos musicais serão aceitos, no entanto, os gêneros de samba, pagode e axé serão priorizados. Apresentações voltadas ao público infantojuvenil também irão compor a programação dos palcos. Nesse caso, a festa é apelidada de Carnavalzinho BH 2019.


Para se inscrever é necessário entregar envelope identificado com a documentação exigida na sede da Belotur, localizada na Rua da Bahia, número 888, no 6º andar, no Centro da capital. Caso o participante queira mais informações sobre documentação e critérios de avaliação, ele pode acessar o edital no portal da prefeitura ou enviar e-mail para licitacoes.belotur@pbh.gov.br.

De acordo com a Belotur, a remuneração dos artistas corresponde ao alcance artístico dos participantes. Músicos regionais, com atuação comprovada fora da Grande BH, recebem R$ 7 mil. Já os artistas locais, R$ 3,5 mil. O artista deve indicar a qual categoria está se candidatando, mas a comissão avaliadora pode alterá-la após a análise do material.

FINANCIAMENTO Dos 590 blocos que vão desfilar no carnaval da capital neste ano, 154 estão disputando R$ 600 mil de financiamento da administração municipal. Apenas 96 deles serão beneficiados. O valor total da subvenção corresponde a R$ 200 mil a mais em relação ao ano passado. O valor será dividido em quatro categorias, nos valores de R$ 10 mil; R$ 7 mil; R$ 5 mil e R$ 3 mil. A previsão é de que a lista com os blocos vencedores seja anunciada ainda esta semana. *Estagiário sob supervisão da subeditora Regina Werneck