Inhotim e Museu Abílio Barreto são opções para quem quer fugir do carnaval

Aqueles que querem escapar da folia dos blocos de rua podem encontrar 'ilhas' de sossego onde é possível passear e curtir o feriadão em paz

por Redação EM Cultura 09/02/2018 09:21
Nelson Almeida/AFP
Visitantes no pavilhão dedicado à obra de Adriana Varejão, em Inhotim. (foto: Nelson Almeida/AFP)

Carnaval em Belo Horizonte já foi sinônimo de paz, descanso e cidade vazia. Com o sucesso dos blocos de rua, a capital mineira se tornou um dos polos foliões do Brasil. A batucada toma conta de BH, mas ainda há algumas “ilhas” de sossego, onde dá para passear e curtir o feriadão com as crianças.

A 60 quilômetros da capital, o centro de arte contemporânea de Inhotim, em Brumadinho, vai oferecer programação especial para a garotada. A Estação Folia funcionará de sábado a terça-feira, das 10h às 12h, com oficina de construção de brinquedos e lançadores de confetes. Outra atração, para crianças e adultos, é a Piscina – obra interativa criada pelo artista Jorge Macchi. Os visitantes podem até nadar. Basta levar trajes de banho e torcer para São Pedro colaborar.

Inhotim reúne cerca de 700 obras – a maioria delas exposta em galerias especialmente construídas para abrigá-las. Também oferece impressionante acervo botânico, com cerca de 4 mil espécies. Mas atenção: só é permitida a entrada do visitante que comprovar ter se vacinado contra a febre amarela há 10 dias, no mínimo. O instituto disponibiliza repelentes gratuitamente.

HISTÓRIA Outra dica para quem pretende dar um tempo da folia é o Museu Histórico Abílio Barreto (MHAB), no Bairro Cidade Jardim. Erguido em 1883, o casarão faz parte do “DNA” da capital: está ali desde antes da fundação de BH. Atualmente, a fazenda, um tesouro dos tempos do povoado chamado Curral del-Rei, guarda fotos, textos e documentos. A criançada adora a maria-fumaça exposta na fachada. E também se encanta com o antigo bonde pertencente ao acervo do MHAB.

O carnaval não afetará a programação do museu, que abrirá das 10h às 17h – exceto na segunda-feira, dia de manutenção. Um dos destaques da programação é a mostra Artes de fazer, reunindo antigas ferramentas de trabalho, como a roda de fiar. Os objetos convidam à reflexão sobre a evolução dos métodos de produção.

Outra atração do museu é o Restaurante Caravela, especializado em culinária portuguesa. O cardápio tem bacalhau, polvo e variados frutos do mar. Os pratos são preparados em cataplanas, uma espécie de panela de pressão lusitana de cobre. Essa “casa portuguesa com certeza” vai funcionar nos mesmos dias em que o museu ficará aberto – a partir da 11h30, para almoço, e a partir das 19h30 no jantar.

MUSEU HISTÓRICO ABÍLIO BARRETO

Avenida Prudente de Morais, 202, Cidade Jardim. De hoje a domingo e terça-feira, das 10h às 17h. Entrada franca. Informações: (31) 3277-8573.

INHOTIM

Arte contemporânea. Em Brumadinho, acesso pelo Km 500 da BR-381. Hoje e terça, das 9h30 às 16h30; amanhã e domingo, das 9h30 às 17h30. Informações: (31) 3571-9700. R$ 44 (inteira) e R$ 22 (meia). Crianças até 5 anos não pagam. Assinantes do Estado de Minas têm 50% de desconto na compra de dois ingressos. É obrigatória a comprovação de vacinação contra a febre amarela.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CARNAVAL