UAI

Família de Gugu processa Rafael Ilha após fala sobre morte do apresentador

O ex-Polegar afirmou em entrevista que a família do comunicador mentiu sobre a causa da morte

Reprodução/Instagram Reprodução/Instagram
Douglas Lima - Especial para o Uai clock 24/08/2022 13:10
compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp SIGA NO google-news

O ex-cantor Rafael Ilha foi acionado na Justiça pela família do apresentador Gugu Liberato. É que eles não aprovaram declarações recentes sobre a morte do artista, que morreu após cair do sótão de sua casa nos Estados Unidos em novembro de 2019.

Quem moveu a ação foi Aparecida Liberato, irmã de Gugu. Ela quer explicações após o ex-Polegar dizer que a causa verdadeira da morte do comunicador foi escondida do público. A informação é do repórter Danilo Reenlsober, do portal Em Off.

 

No documento da ação, Aparecida afirma que houve "acusação grave contra a família de Gugu, qual seja, de que teriam faltado com a verdade, com público e imprensa". O texto também alega que as falas de Rafael causam lesão à honra dos envolvidos com o fato, principalmente a família Liberato.

 

O vencedor de A Fazenda 10, reality show da Record TV deixou os fãs com a pulga atrás da orelha ao fazer insinuações sobre o acidente que vitimou o apresentador. Ilha afirmou em duas ocasiões que a explicação para a morte divulgada na mídia não era verdadeira e destacou que esperava que o público tivesse a oportunidade de saber o que realmente tinha acontecido.

 

"Eu sei o que realmente aconteceu e não foi isso. (…) Tomara que um dia as pessoas possam ter a oportunidade de saber o que realmente aconteceu (…). Eu acho que poderiam ter contado a verdade. Eu só acho assim", declarou em entrevista ao canal Cortes de Inteligência de Rogério Vilela.

 

Em um papo em outro canal, ele voltou a falar sobre o assunto. "Gugu não troca a pilha nem do microfone. Você entendeu? Então… Nem do microfone ele sabe trocar pilha, quanto mais mexer num sistema de condicionamento de ar. (…) Eu falei que não acredito, né, do jeito que ele morreu", explicou no NaReal com Bruno di Simone.

 

Segundo à publicação, antes de começar um processo formal, a família entrou com um pedido para que Rafael Ilha explique as afirmações. Ele receberá uma notificação para justificar as falas e depois os parentes de Gugu Liberato poderão decidir se querem abrir um processo por difamação, injúria ou calúnia.

compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp