Diretor da OMS diz que epidemia de ebola pode ser controlada em três meses

A epidemia já afetou um total de 7,5 mil pessoas

por Agência Brasil 07/10/2014 11:05

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
REUTERS/Fabian Bimmer
Epidemia de ebola que atinge a África ocidental já chegou à Europa e aos EUA (foto: REUTERS/Fabian Bimmer)
O diretor regional da Organização Mundial da Saúde (OMS) para África, Luís Sambo, afirmou nesta terça-feira (7) em Portugal que a epidemia de ebola “está se espalhando mais depressa”, mas admitiu a possibilidade de o problema ser controlado nos próximos três meses.

“A epidemia já afetou um total de 7,5 mil pessoas, é difícil fazer previsões, mas pensamos que nos próximos 90 dias possamos inverter a tendência da epidemia e, eventualmente, controlá-la. Mas são previsões, é muito difícil dar certezas ou estabelecer prazos com exatidão”, disse Luís Sambo. O responsável da OMS para África falava no Porto em conferência sobre a epidemia de ebola que atinge a África ocidental e que já chegou à Europa e aos EUA.

Na Espanha

A ministra da Saúde espanhola, Ana Mato, convocou hoje reunião de urgência com todos os responsáveis regionais de saúde para analisar a situação provocada pelo contágio com ebola de uma auxiliar de enfermagem em Madri. Foram chamados todos os diretores de saúde das regiões autônomas espanholas para discutir como está a situação, depois de constatado o primeiro caso de contágio com o vírus ebola fora de África.

A auxiliar da enfermagem espanhola está isolada no Hospital Carlos III, em Madrid, onde contraiu o vírus. Fontes médicas confirmaram que a enfermeira está com febre, mas “estável”. Está internada na ala do hospital que atendeu aos dois missionários espanhóis que contrairam ebola na África. Eles morreram.

VÍDEOS RECOMENDADOS