Vídeos inéditos de Naná serão exibidos em show do Barbatuques

Percussinista faria participação em dois shows, neste sábado e domingo, em São Paulo

por Diário de Pernambuco 09/03/2016 19:45

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Cais Cultura/Divulgação
Grupo Barbatuques se reuniu com Naná Vasconcelos para gravação do disco em São Paulo (foto: Cais Cultura/Divulgação)
O primeiro encontro do grupo Barbatuques com Naná Vasconcelos no palco seria neste sábado (12) e domingo (13), em show no Sesc Vila Mariana, em São Paulo. O percussionista falecido na manhã desta quarta-feira (9), no Recife, produziu o mais recente disco do grupo, Ayú, lançado em setembro. Naná participaria das duas apresentações marcadas para este fim de semana. Para homenageá-lo, o grupo de música corporal vai dedicar o show ao pernambucano e exibirá trechos de um material inédito de Naná.

 

"Temos uma entrevista com ele e vamos exibir alguns trechos. É um material lindo que gravamos no estúdio enquanto ele gravava com a gente. Ele fala sobre a música africana e comenta um pouco da trajetória e a relação com a linguagem da música corporal, que temos em comum", explica o integrante André Hosoi.

No último sábado, a esposa e empresária do músico Patrícia Vasconcelos adiantou que Naná não participaria dos shows. "Nossa relação com Naná é antiga. Nos aproximamos muito na gravação da trilha de O Menino e o Mundo. Sou fã de Naná desde os 13 anos. Cresci ouvindo a música dele. Ele é a maior referência para o Barbatuques. Estamos muito tristes, perdemos um músico único, um cara muito especial", completa Hosoi.

 

Naná participou do disco como convidado especial. Ele participa de duas faixas: em Kererê, música de autoria do grupo, e ofereceu a composição própria, Tá na roda. O disco Ayú mistura o carimbó, coco, toré indígena, choro, maracatu, baianá, rock, beatbox, kecak e a música africana.

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA