Quinteto Fabuloso muda vidas em Queer eye

A terceira temporada estreia na hoje (15) na Netflix

por Redação EM Cultura 15/03/2019 10:00
Uma história emocionante de superação. Um espaço totalmente transformado. Um corte de cabelo, roupas novas e comida diferente. Tudo isso comandado por cinco divertidos amigos gays. A receita de sucesso de Queer eye, da Netflix, é mantida na terceira temporada da atração, que volta à plataforma de streaming nesta sexta-feira (15).

Em mais uma leva de episódios, o chamado “Fab 5” – abreviação, em inglês, de “cinco fabulosos” – está de volta. Antoni Porowski cuida da parte culinária; Bobby Berk do design de interiores; Karamo Brown da parte cultural; Jonathan Van Ness do cabelo e cuidados com a pele; Tan France da moda.

A cada novo episódio, o quinteto, a partir do “quartel-general” montado na cidade de Atlanta, nos Estados Unidos, tem a missão de transformar a vida de uma pessoa em todos esses cinco aspectos.

Nessa nova temporada, pela primeira vez, o Fab 5 vai realizar duas transformações ao mesmo tempo, num único episódio. As “transformadas” são Mary e Deborah, responsáveis por uma típica churrascaria americana.

Na terceira rodada, as temáticas envolvendo os personagens que precisam se transformar são diversas. Depois de crescer numa fazenda com cinco irmãos homens, Jody quer ser um pouco mais feminina. Por sua vez, Josey admite ter “síndrome de Peter Pan” – nunca quis ser adulto. Rob é pai solteiro de dois meninos.

Os novos episódios vão mostrar a luta de Jess, que precisa lidar com a pressão de ser lésbica negra numa sociedade altamente preconceituosa. Já Thomas é um garoto que não desgruda dos jogos virtuais on-line. E há ainda a história do casal, prestes a ter um filho, mas nada está pronto em casa para recebê-lo.

No trailer divulgado pela Netflix nas redes sociais, é possível ver que os participantes do programa abrem suas intimidades aos Fab 5.

Reprodução Netflix
Karamo Brown, Antoni Porowski, Jonathan van Ness, Tan France e Bobby Berk estão de volta à Netflix (foto: Reprodução Netflix)
Em entrevista ao jornal britânico The Guardian, Tan France revelou como é o primeiro contato da equipe com cada personagem para criar a relação de confiança. “Não digo para que me contem os mais sombrios e profundos segredos, digo que podem me perguntar qual o meu mais sombrio e profundo segredo. Podem me perguntar qualquer coisa”, afirmou.

A atração da Netflix se inspirou em Queer eye for the straight guy, programa exibido nos Estados Unidos de 2003 a 2006. A primeira temporada foi ao ar no ano passado.


QUEER EYE
. Netflix
. Terceira temporada estreia nesta sexta-feira (15)

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE SERIES-E-TV