Conheça Aldair Playboy, dono do hit Amor Falso, que viralizou na internet

Cantor que desponta no cenário nacional terá a carreira gerenciada pelo mesmo escritório que cuida da carreira de Wesley Safadão

por Diário de Pernambuco 04/06/2018 15:00
 Livia Elektra/Divulgação
Hit de Aldair ganhou clipe com Safadão e Kevinho (foto: Livia Elektra/Divulgação )

 
A música de Aldair Playboy, nome que despontou no cenário nacional nas últimas semanas, toca nos paredões de várias cidades do Brasil. Amor falso superou todas as expectativas e alcançou primeiro lugar na lista das 50 Mais Tocadas do Brasil e a 12ª posição na 50 Virais do Mundo do Spotify, além de viralizar em países como Japão, Paraguai, Portugal e Uruguai.

O clipe original, lançado em abril, contabiliza 16 milhões de visualizações. São números significativos para um artista saído de João Pessoa, na Paraíba, que canta música do povo. A avalanche foi tanta que Aldair assinou contrato e terá a carreira gerenciada pela recifense Luan Promoções, que cuida de artistas como Wesley Safadão, Márcia Fellipe e Gabriel Diniz.

A música chamou atenção de Wesley Safadão que Aldair recebeu a proposta de fazer uma versão da faixa com a participação de Kevinho. O cantor diz que ainda está tomando pé da situação e se impressiona com tamanha repercussão. “Às vezes acho que estou sonhando. Saí de uma comunidade, vivia uma vida humilde, na simplicidade. De repente estou cantando com um dos maiores artistas de forró da atualidade e o cara que é referência no funk. Só tenho a agradecer”, comemora.

O nome de Aldair começou a aparecer em 2017, na mesma época que artistas do brega-funk recifense como MC Troinha, Dadá Boladão e MC Tocha despontaram, quando emplacou a música Vai toma e popularizou o bordão “sinalzinho da amizade”. Ele acredita que ‘estourou’ primeiro no Ceará, na Paraíba e em Pernambuco, levantando a bandeira de um estilo chamado batidão - que mistura arrocha, reggae e funk. Os principais sucessos do repertório não falam de amor. Pelo contrário, os temas são sexo, droga e duplo sentido. As faixas são Senta porra, Popozão, Sexta-feira, Sarrando e kikando, Soca soca, disponíveis no canal oficial do cantor que contabiliza mais de 27 milhões de visualizações.

O hit Amor falso veio em paralelo e se enquadra na nomenclatura batidão romântico. “O público não esperava que fosse lançar uma música romântica e eu não imaginava cantar uma música assim”, explica o paraibano, que ficou inseguro, mas recebeu feedback positivo. Após repercussão, ele pretende explorar esse estilo e já trabalha em cima da nova faixa, com título provisório Ainda te amo mais estou indo embora.

História
Aldair Brito da Silva, tem 21 anos, e é natural de João Pessoa, na Paraíba. “Sou de Boa Esperança e tenho isso tatuado no braço, me orgulho muito. A minha avó que esteve comigo, me ajudou e acreditou em mim. Hoje ela não está mais aqui, mas está guiando meus passos”, aponta. Aldair está morando em Natal, e deve se mudar para Fortaleza em breve. A agenda de shows inclui Goiânia, Rio de Janeiro, São Paulo e outras capitais. Ele é pai de Davi, 6 anos, Radassa, 4 , Joaquim, 2, e Guilherme, 1, e a esposa, Raissa, está grávida de quatro meses.

Assista:
 
 

ENTREVISTA // ALDAIR PLAYBOY 

Amor falso é um sucesso e foi tudo muito rápido. Como surgiu a parceria com Wesley Safadão e Kevinho?
Amor falso já estava sendo bastante vista e sabia que ela poderia alcançar mais visualizações. A gente não tinha aquela proximidade e surgiu o convite. Ele (Safadão) fez a proposta e perguntou se dava certo. Claro que dá certo! Gravei o clipe em abril, mas antes postei um vídeo cantando um trecho no Instagram. Passei a noite todinha gravando e quando vi já estava subindo de seguidores, muita gente me marcando e fiquei sem entender. Não achei que fosse dar esse resultado todo. A gente incrementou um novo ritmo. Foi a mistura perfeita, da batida, a letra e a minha voz nordestina.

Você não compôs Amor falso. Como a música chegou até você?
Essa música é dos meninos de Sobral, no Ceará, MC Rogerinho, Felipe Ennzo e Walber Cássio. Faz muito tempo que eles me mostravam. Mas gravei outras que eram parecidas com o que eu já cantava. Eu gosto de ouvir uma música várias vezes. Produzi o ritmo dessa, passamos a madrugada gravando. Mas estava com dúvida e postei aquele vídeo para sentir o termômetro. No outro dia tive a resposta.

Teu repertório tem músicas com palavrão, droga e duplo sentido. Depois da repercussão de Amor falso pretende parar de cantar esses temas?
Eu sempre fui fã da música romântica, curto bastante, mas não me via cantando aquilo. Não posso dizer que vou deixar de cantar, mas no meu ver vou buscar uma coisa diferente. Para conseguir ficar no mercado e ser um tipo de música para meu filho e para as outras crianças cantarem também.

Você é responsável por criar o sinalzinho da amizade?
Isso. Foi nos bastidores de um show. Um grupo de meninas estava brincando e falando do sinalzinho, aí surgiu a ideia de fazer a música. Foi a primeira que estourou e me deixou conhecido.

De onde surgiu o nome Aldair Playboy?
Eu cantava em uma banda chamada Swing dos Playboys. Sai do grupo para fazer carreira solo, montar meu próprio projeto e seguir minhas ideias. Foi quando surgiu o Aldair Playboy.

Qual seu sonho?
Trabalhar bastante, continuar trabalhando e trabalhando mais ainda. Quero fazer shows pelo Brasil todo. A vida da gente é muito louca. Aparece muitas surpresas que a gente fica impressionado. Sei que vem mais coisas pela frente, e só Deus sabe onde vou chegar.

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE MUSICA