Em meio à crise, Xuxa anuncia fim de sua fundação beneficente

'Está difícil, tem a crise e os trabalhos na TV não são mais os mesmos', disse a apresentadora, sobre sua decisão; segundo ela, o gasto anual com a instituição criada há 27 anos é de R$ 1, 8 milhão

por Agência Estado 30/03/2017 20:37

CAETANO BARREIRA/REUTERS
Xuxa diz entender que as pessoas não possam colaborar (foto: CAETANO BARREIRA/REUTERS)
 

Pouco depois de completar 54 anos, a apresentadora Xuxa Meneghel afirmou que deve encerrar as atividades da Fundação Xuxa Meneghel, instituto beneficente com sede no Rio de Janeiro. Ao que tudo indica, o ano de 2017 será o último período de atividades, que promovem assistência social e influenciam a criação de políticas públicas para crianças e adolescentes.

Segundo Xuxa, o gasto anual é de R$ 1,8 milhão, em média. Ela já não consegue arcar sozinha com todos os custos. "Está difícil, tem a crise e os trabalhos na TV não são mais os mesmos", disse a apresentadora, que não teve sucesso no programa "Xuxa Meneghel", da emissora Record.

Como seu pai morreu às vésperas de seu aniversário deste ano, Xuxa decidiu cancelar o jantar beneficente programado para a comemoração. A renda seria revertida para a Fundação.

Para tentar manter as atividades do instituto, Xuxa disse que já pediu ajuda para muita gente, mas não obteve sucesso. "É muita grana… Entendo que as pessoas não podem ajudar, mas também não posso seguir sozinha com as despesas, entende? Mas foram 27 anos de muitas histórias lindas."

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO