Rua Sapucaí ganha bar inspirado na cultura latino-americana

Mi Corazón oferece música e mesas na calçada, além de uma bela vista do Centro de BH

por Redação EM Cultura 20/10/2017 08:41

Túlio Santos/EM/D.A Press
Adair Groove comanda o Mi Corazón. (foto: Túlio Santos/EM/D.A Press)

''Um pub com sotaque e ginga de boteco. Um boteco com pinta e vibe de pub.” Assim o DJ e produtor cultural Adair Groove define o Mi Corazón, espaço recém-inaugurado por ele no Bairro Floresta. Com capacidade para 90 pessoas, o bar tem na música e nas mesas na calçada alguns de seus principais atrativos.


Instalado em um casarão na Rua Sapucaí, logo atrás da Praça da Estação, o Mi Corazón oferece bela vista do Centro de BH. “Minha ideia foi abrir um pub com espaço interno aconchegante, mas sem perder o diálogo com a rua. A Sapucaí é ideal, pois é um lugar efervescente, que une a vanguarda e o contemporâneo”, diz Adair. Nome conhecido na cena cultural de BH, ele também é responsável pela festa Baile da Teresa, que comemora três anos neste fim de semana.

A decoração irreverente do Mi Corazón é autoral. “O visual diversificado veio da minha cabeça, faz referência a locais que frequentei e às coisas de que gosto. Há muita brincadeira com cores e objetos. Como sou fã do cartunista Angeli, decorei uma parede inteira em homenagem a ele. Também quis imagens da Frida Kahlo, ícone da cultura latina”, explica o proprietário.

Apesar do nome e das referências, o Mi Corazón não é um bar exclusivamente latino. “Em se tratando de música, vamos de A a Z. Temos espaço para MPB, samba, rock...”, aponta Adair. O verso “¿qué horas son mi corazón?”, abertura da canção Me gustas tu, de Manu Chao, inspirou o espaço, “onde pulsam cultura, entretenimento e novidade”, diz ele.

Aberto há poucos dias, o bar tem agradado. “No primeiro fim de semana, nossa expectativa era receber 250 pessoas, mas passaram mais de 900 por aqui. Além de esse público superar nossa expectativa, a recepção foi muito boa”, conta o produtor cultural.

PETISCOS Assinado pela chef Mika Costa, o cardápio lista pratos e tira-gostos que custam R$ 20. A linguicinha de porco defumada ao molho de jabuticaba é um dos destaques, assim como o fish and chips: filé de peixe branco empanado em farinha panko com chips de batata-doce, aioli de limão-siciliano e molho de pimenta sriracha.

Outro destaque é o carpaccito. O carpaccio de filé ao molho de mostarda tropical (mostarda dijon, hortelã, maracujá e mel) chega à mesa acompanhado de pão. Há também batata rústica com cheddar e bacon, além de queijo brie empanado e porções de pastel de angu (oito unidades) recheado de provolone e espinafre ou de camarão com catupiri.

Com pão ciabatta e acompanhados de batata rústica, os sanduíches custam R$ 25. Veganos têm à disposição o de três tomates (fresco, seco e confitado), pesto de hortelã e rúcula. Quem come carne pode experimentar o sanduíche de roastbeef com mostarda, queijo, alface americana e tomates confitados.

DIABLA O bar prepara cerca de 20 opções de drinques. Além dos tradicionais cuba-libre, caipirinha, caipifruta e sex on the beach (R$ 15 cada), há pedidas batizadas com nomes de canções em espanhol (R$ 18 cada). La diabla, por exemplo, traz maracujá, pimenta-rosa, grenadine, vodca e triple sec. Feita com catuaba, a sangria especial da casa remete ao hit Dónde estás corazón?, da cantora Shakira. Já a infusão de capim-limão com pera, soda de maçã verde e vodca homenageia o bolero Quizás, quizás, quizás, clássico da música cubana.

A casa serve também as cervejas Heineken e Stella Artois (a partir de R$ 8, long neck), além de chope (Backer pilsen, R$ 8).

MI CORAZÓN

Rua Sapucaí, 511, Floresta. Aberto de quarta-feira a domingo, das 19h às 3h. Informações: www.facebook.com/micorazonbar.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA