Temer homenageia cineasta pelo Twitter citando filme de outro diretor

Presidente cita longa-metragem de Arnaldo Jabor para falar sobre Roberto Farias, morto nesta segunda

por Redação EM Cultura 14/05/2018 13:51

O presidente Michel Temer errou em homenagem ao cineasta Roberto Farias, morto na madrugada desta segunda-feira (14), aos 86 anos.

 

Em mensagem postada no Twitter, Temer se lembrou do diretor, que fez 25 filmes. "De chanchadas a clássicos como Toda nudez será castigada", postou o presidente. Toda nudez, lançado em 1973, foi dirigido por Arnaldo Jabor. Farias foi produtor do filme.

 

Pouco depois da publicação, o tweet foi corrigido, e o título do filme foi apagado.  

 

Farias fez filmes muito populares, como O assalto ao trem pagador (1962), Roberto Carlos e o diamante cor de rosa (1968) e Roberto Carlos a 300 quilômetros por hora (1971), e trabalhou na TV. Seu último filme foi de 1987, Os Trapalhões e o auto da Compadecida.

 

 

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE E-MAIS