Em 2019, séries e filmes vão apostar no empoderamento feminino

Carmen Sandiego, Mística,Capitã Marvel e Fênix Negra serão estrelas de vários lançamentos focados nas superpoderosas

por Adriana Izel 28/12/2018 09:50
Frederic J. Brown/AFP
Brie Larson interpreta Carol Danvers, a Capitã Marvel (foto: Frederic J. Brown/AFP)
A indústria cinematográfica e televisiva aposta – para valer – as fichas no empoderamento feminino. É isso que a lista de lançamentos de 2019 demonstra. O ano já vai começar com a estreia da série animada Carmen Sandiego (com dublagem de Gina Rodriguez, de Jane the virgin), na Netflix, e se encerrará com o retorno da jedi Rey (Daisy Ridley), no episódio  9 de Star wars. Várias outras atrações são protagonizadas por mulheres fortes e, de certa forma, heroicas – não necessariamente heroínas.

O maior e mais aguardado destaque de 2019 é a estreia de Capitã Marvel no cinema, em 8 de março. A atriz Brie Larson, que estourou em O quarto de Jack (2015), interpreta a heroína, mencionada pela primeira vez na cena pós-créditos de Vingadores: Guerra Infinita. Ela deve ter um papel importante na quarta sequência da franquia, que também estreia em 2019.

“Sinto-me grata por ser a Capitã Marvel. Carol (Danvers) gosta de lutar, mas é cheia de amor e felicidade. Não tinha a força que tenho hoje, o filme me fez superar limites. Aquilo que achava impossível, como uma pessoa tímida, agora parece possível. Aprendi que está tudo bem em ter um pouco de confiança e aprender o meu valor. Quero que todas se sintam inspiradas ao sair do cinema. Fiz isso pelas mulheres”, afirmou a atriz.

O filme se inspira na personagem apresentada nos quadrinhos, em 1968, como integrante da Força Aérea dos Estados Unidos. Ambientado nos anos 1990, Capitã Marvel acompanha a jornada de Carol Danvers, pilota cujo DNA é fundido com o de um alienígena durante um acidente. A partir daí, ela ganha superpoderes: além da força sobre-humana, o dom de voar.

FÊNIX Capitã Marvel não será a única superpoderosa a invadir as telas. Em 7 de junho, estreia o filme da franquia X-Men, desta vez protagonizado pela Fênix Negra (Sophie Turner). Na trama, Jean Grey é atingida por uma força cósmica e precisa lidar com a presença de uma entidade maligna dentro do próprio corpo, a Fênix Negra.

“Esse foi o papel mais desafiador da minha carreira”, contou a atriz, famosa por viver Sansa Stark na série Game of thrones. “Veremos uma Jean bem diferente nesse filme. Ela está plenamente consciente de seus poderes, mas isso não lhe trouxe paz de espírito”, revelou Turner.

O filme contará com outras mulheres fortes: Mística (Jennifer Lawrence) e a vilã misteriosa (Jessica Chastain). O empoderamento dá o tom das cenas. Numa delas, Mística questiona Charles Xavier (James McAvoy): “São as mulheres que sempre salvam os homens nas missões. A equipe deveria se chamar X-Women.”

HQ Duas personagens conhecidas dos quadrinhos deverão protagonizar produções próprias. A Disney anunciou que a Feiticeira Escarlate, papel de Elizabeth Olsen em Os Vingadores, deve ganhar uma série no serviço de streaming Disney+.

Outra poderosa que vai aparecer na televisão em 2019 é Batwoman. A heroína foi apresentada no crossover Elseworlds, da CW, que reuniu os núcleos de The Flash, Arrow e Supergirl. Interpretada por Ruby Rose, ela foi inserida no universo dos heróis da DC na TV. Vai ganhar uma série original.

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE CINEMA