UAI

Luana Piovani é proibida de falar sobre Pedro Scooby: 'Amordaçada'

Atriz e apresentadora pretende recorrer ao impedimento decidido pela Justiça de Portugal

Luana Piovani é proibida de falar sobre Pedro Scooby: 'Amordaçada' Reprodução/Instagram/Montagem
Douglas Lima - Especial para o Uai clock 03/04/2024 13:36
compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp SIGA NO google-news

Luana Piovani enfrenta uma nova reviravolta em sua batalha judicial contra Pedro Scooby. Nesta quarta-feira (03/04), a atriz e apresentadora revelou que o Tribunal Judicial da Comarca de Cascais, de Portugal, decidiu a favor do ex-marido. Assim, proibindo-a novamente de abordar publicamente assuntos relacionados ao surfista e à criação dos três filhos: Dom, Bem e Liz.

Leia Mais

"Estou amordaçada em Portugal", iniciou. "Lá vamos nós para o Tribunal Europeu dos Direitos do Homem. A questão é que a gente tem que pagar os honorários do advogado e os honorários da Justiça e é difícil, porque você vai gastando dinheiro para poder se proteger e, se você não tem dinheiro, você não se protege", explicou.

 

Agora, a artista arcará com as consequências ao citar o atleta. "Como fui considerada culpada, tem multas penduradinhas por eu falar do genitor, uma vez que não posso mais falar. Como se eu precisasse queimar o filme dele. Ele faz coisas tão geniais", ironizou.

 

"Isso faz com que eu esteja com o meu c* na mão, porque não tenho esse dinheiro para dar para o governo português porque estou falando verdades na internet. Então, tiro todo meu dinheiro da conta, fico sem nenhum tostão, o que é ótimo, porque papai vai pagar a minha conta. Vou viver de bico", afirmou.

 

Piovani também revelou que também teria sido impedida de processar a excelência que a "humilhou". "Não consigo entrar com um processo [...] contra ela porque assinei um acordo ao final dessa audiência, mas ao qual eu fui coagida. Tive uma crise de ansiedade, precisei me organizar física e mentalmente e assinava ali até a minha sentença de morte. Ela gritava e desrespeitava as pessoas", desabafou.

 

O processo movido por Scooby no ano passado resultou na proibição inicial da ex-esposa tocar nesses temas. Luana Piovani contestou a medida que foi, posteriormente, derrubada. No entanto, uma nova decisão favorável ao esportista foi tomada após audiência realizada em março deste ano.

 

"Um sortudo que eu coloquei na luz, que por isso hoje ostente carros milionários na garagem, está através da lei querendo me calar. Isso porque, todas as vezes que falei, falei das faltas dele, mas também já o elogiei muito quando mereceu", criticou ela na ocasião.

compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp