Veja dicas para brincar com o seu bebê

Brincadeiras com os pais e as mães podem ajudar no desenvolvimento de meninos e meninas

por Estado de Minas 18/04/2016 11:56

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Tempo Junto/Reprodução da internet
(foto: Tempo Junto/Reprodução da internet)
O intervalo entre o nascimento e os três anos de idade é crucial para o desenvolvimento de uma criança e as brincadeiras com os pais podem ajudar. Porém, crianças nessa idade têm limitações que podem fazer com que o número de possibilidades de brincadeiras seja reduzido. Mas isso não significa que não existam muitas alternativas para brincar com o seu bebê. Como alguns ainda não andam, não se sustentam sozinhos ou não conseguem ler ou falar, algumas atividades podem ser as ideais para o período:

» Brincadeiras de montar: blocos de madeira, argolas de formatos diferentes, placas de encaixe de formas. Esse tipo de brinquedo é fácil de ser encontrado em lojas e oferecem bastante variedade.

» Descobrir sons: pais e mães podem utilizar materiais não estruturados, que, por vezes, fazem parte do cotidiano das crianças, como colheres, garrafas, tampas, latas, potes de diferentes tamanhos. A partir desses materiais, as crianças podem explorar novos sons, ruídos e ritmos, como encher de grãos uma simples garrafa PET, transformando os objetos em instrumentos para brincadeira.

» Escalar obstáculo: uma pessoa adulta é obstáculo e passa a ser o “objeto” para a criança escalar. Ele pode ser de uma parede a um sofá. Para os filhos que andam, a proposta é combinar a brincadeira com momentos lúdicos, de forma que os bebês desenvolvam curiosidade para explorar o contato com outras pessoas.

Equilibrar e não eliminar
O chocolate e o ovo já tiveram sua época de vilões. Atualmente, o carboidrato e o glúten são os nutrientes mais questionados e as dietas que promovem a restrição indiscriminada dos alimentos desses grupos e prometem resultados milagrosos estão conseguindo cada vez mais adeptos, fato que preocupa os profissionais da área da saúde. Beatriz Botéquio, consultora em nutrição da Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias, Pães & Bolos Industrializados (Abimaspi), explica que, “para uma dieta ideal, o correto é que seja feito o consumo variado de alimentos dentro de todos os grupos alimentares”. A chave é comer com equilíbrio e não riscar alimentos do cardápio. De acordo com a nutricionista, retirar o carboidrato da alimentação, por exemplo, pode gerar fadiga, além de carências de fibras e outros micronutrientes. Além disso, essa tendência vai contra praticamente todas as pirâmides alimentares adotadas.

Cuidados com o carro combatem alergias
Sujeira acumulada dentro de automóveis é capaz de desencadear crises alérgicas em motoristas e passageiros. Os assentos e carpetes dos carros podem transportar pelos de cães e gatos, ácaros e fungos, entre outras substâncias nocivas ao sistema respiratório. Diversos agentes causadores de alergia encontram nos veículos condições favoráveis para se instalar e passam a se proliferar enquanto rodam de carona. A umidade provocada pelo ar-condicionado pode atrair, por exemplo, fungos, que se instalam no interior do componente. Para minimizar o impacto dos agentes, que estão sempre à espreita, é preciso ter uma rotina de cuidados. Sempre limpar bem os bancos e carpetes depois de passeios com os pets, realizar manutenção periódica e limpeza dos filtros de ar-condicionado e recolher diariamente restos de alimento e lixo. Essas são algumas pequenas atitudes capazes de tornar o ambiente mais seguro, conforme orientam especialistas.

 

Massagem para o bem-estar
A massagem relaxante beneficia a flexibilidade e aumenta a circulação, colabora com a recuperação da musculatura em caso de exercícios físicos, diminua processos inflamatórios nos tecidos e, do ponto de vista psicológico, cria uma sensação de bem-estar e alegria. E ainda contribui para acalmar o corpo e a mente. Aliados à massagem podem ser utilizados métodos adicionais como a aromaterapia e cromoterapia, que vão potencializar os efeitos daquela. A massagem relaxante é uma técnica aplicada por meio de movimentos suaves e firmes por todo o corpo, proporcionando relaxamento da musculatura e aliviando as tensões e estresse. A modalidade da massagem é aplicada com óleos ou cremes associados à aromaterapia, trazendo efetivo bem-estar e sensação de conforto e tranquilidade.

Alimentação x prisão de ventre
Uma das causas da prisão de ventre é a alimentação. Fibras e líquidos podem ajudar no trânsito intestinal, enquanto doces, massas e chocolate podem piorar. Para facilitar a evacuação, os especialistas indicam tomar líquido em jejum pela manhã, criar uma rotina de evacuação e obedecer a vontade de intestino.

As pessoas de intestino preso são divididas em dois grupos: quem sempre teve o problema e quem tinha o intestino normal e se tornou preso. De acordo especialistas, quem está no primeiro grupo e tem alimentação equilibrada, com fibras, ingere bastante líquido e pratica atividade física, deve procurar ajuda. Já quem está no segundo grupo pode ter um problema mais sério, como hemorroida, fissura anal e até câncer de intestino. Ao notar qualquer problema no funcionamento do intestino é preciso procurar um médico.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA