Fundador do Facebook doa US$ 25 milhões para luta contra o ebola

Recentemente, o cofundador da Microsoft, Bill Gates, doou US$ 50 milhões para as agências da ONU e organizações internacionais na luta contra a doença

por AFP - Agence France-Presse 14/10/2014 13:36

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Marcelo Justo/Folhapress
(foto: Marcelo Justo/Folhapress)
O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, e sua esposa, Priscilla Chan, anunciaram nesta terça-feira a doação de 25 milhões de dólares para os Centros Americanos de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), para ajudar no combate à epidemia de Ebola.

"A epidemia de ebola está em um momento crítico. O vírus infectou (8.900) pessoas até o momento, mas tem se espalhado muito rapidamente e alguns preveem que poderia contaminar 1 milhão de pessoas, ou mais, daqui vários meses se nada for feito para combatê-lo", explicou o jovem proprietário em sua rede social.

"Precisamos controlar o vírus ebola em curto prazo para que ele não cresça ainda mais e não se torne uma crise de saúde global de longo prazo que teremos de combater por décadas em grande escala, como o HIV ou a pólio", acrescentou em um post na rede.

"Esperamos que isso ajude a salvar vidas e a conter a epidemia", indicou o chefe do Facebook. A fortuna pessoal de Mark Zuckerberg foi avaliada em 32,4 bilhões de dólares pela revista Forbes.

Outra fortuna da internet, o co-fundador da Microsoft Bill Gates, doou recentemente, via sua Fundação Bill e Melinda Gates, US$ 50 milhões para as agências da ONU e organizações internacionais na luta contra a doença.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA