Se você abusou no inverno, nada de desespero: há solução para recuperar a barriguinha chapada

A ideia é investir em tratamentos estéticos que são verdadeiras armas contra aquela gordura que não abandona seu corpo de jeito nenhum

por Lilian Monteiro 05/09/2014 08:40

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
sxc.hu
Especialista destaca: quem faz lipoaspiração muito jovem pode sentir sintomas mais severos da menopausa (foto: sxc.hu)
O verão vem aí e o corpo vai estar em evidência. Se relaxou no inverno e acordou agora consciente de que só a malhação não vai dar a você a barriga dos sonhos, há outras soluções seguras e com resultados. Nada de desespero. A ideia é investir em tratamentos estéticos que são verdadeiras armas contra aquela gordura que não abandona seu corpo de jeito nenhum. É hora de tomar uma atitude.

Antes, sem querer desanimar ninguém, é preciso lembrar que, além da vida sedentária e alimentação errada, a predisposição genética pode impedir a busca de uma barriga em forma. Mas há saída, basta querer. A principal queixa é gordura não gasta que se aloja, principalmente, na barriga e nos flancos, os famosos “pneus”. Essas regiões são verdadeiros depósitos de gordura, assim como quadris, culote, coxas e costas.

Por outro lado, a fisioterapeuta Mayne Chiaparro com especialização em dermatofuncional, da Pró-Corpo Estética, de São Paulo, assegura que há tratamentos com resultados excelentes para quem busca um belo abdômen. Ou pelo menos uma barriga aceitável e saudável. “Eles têm de ser contínuos e associados para que a ação seja potencializada.” No mercado, há muitas opções. Entre a lipocavitação, carboxiterapia, heccus, radiofrequência e massagem modelaldora, ela destaca a lipocavitação. “É a que tem o resultado mais efetivo.”

Izabel Cristina Leite, especialista em medicina estética e proprietária do Spa Lótus, na Savassi, explica que a barriga também tem a ver com a idade. “A mulher envelhece e a gordura abdominal depois da menopausa se transforma em estrona, que substitui o hormônio do ovário que está falindo. Por isso, a dificuldade de perder a barriga. Mas, nesse caso, ela é um mal necessário. Agora, as jovens e os homens, que não encaram a questão hormonal, não têm desculpa.” Ela destaca ainda que quem faz lipoaspiração muito cedo, ao entrar na menopausa, provavelmente, vai sentir sintomas mais sérios como mais ondas de calor, insônia, irritabilidade. “Não pode exagerar.”

EM / DA Press
Clique para ampliar e ver cinco exercícios (foto: EM / DA Press)
Para Izabel, a conquista de um abdômen o mais negativo possível exige quatro passos. O primeiro é atividade física regular. O segundo, exercícios específicos para fortalecer o músculo abdominal que funciona como uma cinta. “É importante fazer vários tipos para não se acostumar.” O terceiro é alimentação equilibrada, e, o quarto, os tratamentos estéticos. “Recomendo os mais simples, já que há vários aparelhos de ponta, mas no fundo a tecnologia é a mesma.” Ela avisa que o “cuidado tem de ser constante. O ideal não é só uma técnica, mas associações para alcançar o melhor benefício.”

Izabel conta que a carboxiterapia quebra gordura, melhora a circulação, elimina toxinas, a pele fica com aspecto melhor. “A lipocavitação faz sucesso por ser prazeroso, agradável e altamente eficiente. É para quem está no peso e tem aquela gordurinha que não se perde na academia. São ondas eletromagnéticas que fazem as células adiposas vibrarem em alta frequência até explodir e derreter a gordura. Uma parte é metabolizada pelo fígado e a outra eliminada pelos rins. Contraindicada para quem tem colesterol alto.” Para finalizar, ela indica “envolver o corpo num corpete de gesso por três horas para moldar a gordura, que ficou solta, e dá firmeza à pele.”

Cinco opções eficazes:
1 – Lipocavitação: técnica famosa por oferecer resultados rápidos, é realizada com um ultrassom que literalmente derrete as células de gordura.
2 – Carboxiterapia: é a infusão de gás carbônico em diferentes camadas da pele. Regenera tecidos, melhora a circulação sanguínea e a oxigenação da região tratada. Combate a celulite e estrias, age no metabolismo, acelerando a queima calórica.
3 – Heccus: é um gerador de ultrassom e correntes conhecido por reduzir medidas desde a primeira sessão ao promover a quebra das células de gordura, facilitando o emagrecimento. Indicado para gordura localizada, celulite, drenagem linfática e fortalecimento muscular sedentário e condicionado.
4 – Radiofrequência: técnica que estimula a redução de medidas e também melhora o contorno corporal. Entre as indicações mais comuns estão melhora da flacidez, redução de rugas e da celulite, tratamento de cicatriz de acne e estrias. Esta técnica gera calor no tecido subcutâneo, que induz a produção de novas fibras de colágeno e melhora o aspecto da pele.
5 – Massagem modeladora: complemento de todo tratamento para perder gordura, essa técnica afina a cintura, reduz medidas e remodela o corpo.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SAÚDE PLENA