Anitta é alvo de processo na Justiça do Trabalho

Ex-bailarina do ballet da funkeira, Dany Possidonio foi demitida em agosto do ano passado e diz que trabalhou com a cantora por 6 anos sem contrato assinado

29/05/2017 12:06
Divulgação
(foto: Divulgação)
Ex-integrante do corpo de ballet de Anitta, Dany Possidonio entrou com um processo na Justiça do Trabalho contra a fankeira. A disputa judicial segue na 42ª Vara do Trabalho o Rio. A profissional, que teria trabalhado 6 anos com a cantora sem contrato, foi demitida em agosto do ano passado depois de uma discussão com a intérprete.


Anitta, cuja carreira segue de vento em popa no mercado internacional com o lançamento de Switch - parceria com o rapper Iggy Azalea - era amiga de Dany Possidonio. As duas, no entanto, costumavam discutir frequentemente, já que pensavam diferente quando o assunto era trabalho. "Sempre fomos muito amigas, e um dia acabou rolando uma discussão durante um show na coxia. E no mesmo dia ela ligou para a responsável pelo ballet mandando me demitir. Ainda cumpri um mês de agenda sem nos falarmos", contou a bailarina ao jornal Extra.

Dany, que fazia parte da trupe de 12 bailarinos fixos de Anitta, diz que era remunerada por apresentação. Antes de processar a cantora, teria tentado fazer um acordo, sem sucesso. Mais tarde, já como ré da ação trabalhista, a funkeira foi procurada três vezes pelo oficial de justiça, que foi até sua mansão notificá-la do processo. Anitta, no entanto, não foi encontrada. 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO