Estilista diz que não quer vestir Melania Trump

Sophie Theallet foi um dos nomes frequentes nos looks de Michelle Obama, mas quer passar longe da nova primeira-dama, por questões políticas

por Agência Estado 18/11/2016 13:25

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

MANDEL NGAN
Sophie incentiva outros estilistas a fazerem o mesmo (foto: MANDEL NGAN)
A estilista Sophie Theallet foi um dos nomes frequentes no guarda-roupa de Michelle Obama durante os oito anos de Barack Obama na presidência dos Estados Unidos. Mas ela quer passar longe dos looks de Melania Trump, mulher do eleito Donald Trump e futura primeira-dama americana. Em uma carta publicada online, Sophie incentiva outros estilistas a fazerem o mesmo.

"Como imigrante neste país, fui abençoada em poder perseguir meus sonhos nos Estados Unidos. Vestir a primeira-dama Michelle Obama nos últimos oito anos foi uma honra. E como uma pessoa que celebra a diversidade, a liberdade e tem respeito por todos os estilos de vida, eu não vou vestir ou me associar à próxima primeira-dama. A retórica de racismo, sexismo e xenofobia desencadeada pela campanha do marido dela são incompatíveis com os valores que compartilhamos", diz Sophie Theallet.

Kaelen Haworth, conhecida por vestir Blake Lively, e Carmen Marc Valvo também disseram que não vão vestir Melania Trump.

%uD83C%uDF1F

Uma foto publicada por sophie theallet (@sophietheallet) em

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO