Wesley Safadão quase desistiu da carreira após a morte de Gabriel Diniz

Movimento Country 26/06/2021 12:00
None

Wesley Safadão era muito próximo de Gabriel Diniz e quase abandonou carreira de sucesso após trágico acidente aéreo que matou seu amigo

Se muita gente pensa que não existe amizade verdadeira no mundo das celebridades, está muito enganado. Prova disso é a intensa relação construída entre Wesley Safadão e Gabriel Diniz, que faleceu em maio de 2019 vítima de um acidente aéreo e recentemente teve canções inéditas lançadas. Os cantores compartilhavam a fama e sonhos, até o acidente que os separou para sempre.

Em entrevista ao colunista Leo Dias, Wesley Safadão revelou que caiu em um buraco do qual ele acreditou que não sairia mais. O forrozeiro alegou que pensou em desistir da carreira após a morte de Gabriel Diniz e chegou a diminuir o ritmo de shows e tirar muitas férias. Como não queria mais cantar, Safadão até reuniu as pessoas mais próximas parar anunciar que encerraria a carreira.

Os especialistas em música Enio Silvério e Reinaldo Barriga, no podcast EnterHits, comentaram as declarações de Wesley Safadão e revelaram se consideram que o cantor cearense conseguiu dar a volta por cima ou a morte do amigo Gabriel ainda afeta sua carreira,

Assuntos Relacionados

"Depois que a morte ocorreu, reuni minha mãe, meu primo e meu tio, botei os pés na mesa e disse: não estou feliz! Vou parar de cantar. Não queria mais sair de casa e começaram a me dar férias, algo a que eu não estava acostumado. Reduziram os meus shows", contou Wesley Safadão, que também estava em alta naquele ano.

O especialista Enio Silvério comenta sobre a instabilidade emocional de muitos músicos, pois, "ao mesmo tempo que se mostram muito fortes no palco, fora dele se mostram também frágeis". Reinaldo Barriga, por sua vez, considera que  "foi um grande baque para ele () e deve ter sido muito doloroso para ele ter perdido esse amigo, em um desastre tão impressionante".

"Gabriel Diniz teve no Wesley Safadão um padrinho, que o levou para a produtora Luan, participou daquele DVD que foi gravado em Fernando de Noronha. O Wesley teve uma participação muito efetiva naquele DVD do Gabriel Diniz, e via ele como um parceiro, além da música, também nos negócios", disse Enio.

Enio relembra que Gabriel Diniz foi imprudente na ocasião do acidente aéreo que tirou sua vida. "A gente quer lembrar mais uma vez aqui que foi uma falha gritante essa opção do Gabriel Diniz. Em vez de viajar a volta do show que fez em Feira de Santana, na Bahia, junto com a equipe, ele optou por pegar uma carona com alguns amigos". 

"Esses amigos tinham um avião de treinamento para pilotos e, no meio do caminho, infelizmente, encontraram uma nuvem de tempestade e houve o acidente que ceifou a vida não somente do Gabriel, mas também dos dois amigos que pilotavam o avião", relembraram os especialistas.

Assista ao podcast logo abaixou ou clique aqui para ouvir o conteúdo na íntegra no Spotify.

Cantores sertanejos têm vida de risco para cumprir compromissos

None
(Foto: Divulgação)

Enio comenta a a vida agitada que muitos artistas levam para conseguir cumprir a agenda lotada de compromissos profissionais. "Realmente é de ser pensar, a vida do artista no Brasil, há um risco iminente. Nós perdemos de vez em quando alguns artistas".

"Nessa loucura das estradas, acontecem acidentes, quando não com os ônibus (onde viajam as equipes), com os artistas. A gente lembra da perda daquele grande cantor sertanejo, Cristiano Araújo, que morreu em Goiás, na estrada, de madrugada, ele que voltava de um show". 

"Isso mostra os riscos por que passam os artistas brasileiros nas viagens para realizarem shows, às vezes tanto a ida quanto a volta são realizadas em alta velocidade para chegar no horário pré-combinado. Não é fácil a vida de artista, não são só aplausos e flores, não é mesmo?", completou Enio.

Os especialistas concordam que Wesley Safadão já está recuperado da morte do amigo Gabriel Diniz, uma vez que retomou a carreira em ritmo total e é uma das promessas deste novo sertanejo, a que Enio costuma chamar de sertaneste. "Desejamos assim todo o sucesso ao Safadão", disseram.

Sobre Enio Silvério: Radialista e comunicador desde os 17 anos. Dirigiu as maiores emissoras de rádio do Brasil, como a Transamérica, em Curitiba, Rádio 100 (CE), Rádio Cidade (RJ), Rádio Cidade (BA) a Rádio Cidade (SP) e Tupi FM (SP) que se tornaram líderes absolutas de audiência sob sua direção. Foi o responsável direto para o sucesso em todo o país dos segmentos Axé Music e Sertanejo Universitário.

Sobre Reinaldo Barriga: Um dos maiores compositores, músicos e produtores musicais do Brasil. Já assinou trabalhos de grandes artistas como Capital Inicial, Engenheiros do Hawaii, Lulu Santos, Nenhum de Nós, Camisa de Vênus, Chrystian e Ralf e recebeu dois Grammys Latino pela sua produção dos álbuns "Vida Marvada" e "Grandes Clássicos Sertanejos acústico II" da dupla Chitãozinho e Xororó.

Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: 

MAIS SOBRE MUSICA/SERTANEJA