Sandy lança EP solo 10:39 um ano após turnê Sandy e Junior

Em coletiva de imprensa, a cantora falou sobre como a pandemia de COVID-19 influenciou o novo trabalho

Ana Mendonça* 13/10/2020 20:15
Reprodução
Sandy lança novo EP na próxima quarta-feira (14) (foto: Reprodução)
A cantora Sandy anunciou nesta terça-feira (13) um novo trabalho. O EP, batizado de “10:39”, chega com três músicas. Entre elas, Piloto Automático releitura da banda Supercombo; Lua Cheia, do 5 a seco; e Tempo canção escrita pela cantora e já lançada em 2010.

Em coletiva de imprensa, Sandy respondeu perguntas e falou um pouco mais sobre o novo trabalho. O EP vem exatamente um ano depois da turnê de Sandy e Junior. 


De acordo com a cantora, o projeto foi idealizado durante a pandemia do novo coronavírus “exatamente pela necessidade que eu estava sentindo de me expressar em relação a tudo isso”.

Ela explica que a pandemia transformou o olhar dela pelo mundo e acabou servindo de inspiração para projetos mais maduros, pessoais e emocionais. 

“Senti que tudo que eu falasse neste momento estaria correndo o risco de cair no clichê ou de não ser suficiente na minha expressão e nessas músicas. Senti aquilo que eu queria dizer, elas me tocaram de uma maneira diferente”, explicou a cantora.

Sandy também explica que o nome do EP, “10:39”, faz referência ao tempo total do trabalho. Durante a coletiva, ela diz que as músicas foram feitas para serem ouvidas de forma linear.  Os três clipes seguem essa estética. “Gostaria que as pessoas tivessem a oportunidade de escutar dessa forma”, diz.

A cantora também falou um pouco sobre o processo de produção dos clipes. Segundo ela, o tempo foi dividido em dois dias. Foram duas tardes gravando os três clipes no Haras Três Rios, pertencente a um amigo de infância dela.

“Fiquei com medo de expor a mim e à minha equipe. Por isso fizemos em tempo menor. É engraçado como essa pandemia fez tudo ficar mais pessoal. Tudo a gente faz em casa, a gente se vira e faz sozinho”, conta.

"Eu já tinha pensado no tipo do cenário com estas árvores altas, eucaliptos... E chamei o Douglas Aguillar (diretor), que é meu amigo. Foram dois clipes em um dia e o terceiro no outro, com alguma coisa que tinha faltado. Foi tudo muito rápido e agilizado”, completou.

A nova era “Folklore”

Sandy também brincou ao falar sobre as referências à norte-ameicana Taylor Swift. Depois de um teaser lançado nas redes, a cantora foi muito comparada com a loira. Apesar disso, ela explica que não conhecia a era “Folklore” da musa do pop.  

"Foi uma coincidência! Demorei a entender o que estavam falando quando começaram os comentários. Gosto muito da (banda) Bon Iver, depois vi que eles estão no disco da Taylor. Provavelmente está aí a única conexão entre o nosso trabalho”, explica.
 
*Estagiária sob supervisão da subeditora Kelen Cristina
Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: 

MAIS SOBRE MUSICA