Banda Tihuana encerra atividades por tempo indeterminado

O anúncio foi feito no perfil da banda no Facebook: 'Foram 20 anos intensos de muito rock e acima de tudo muita verdade'

por Correio Braziliense 17/07/2017 15:20

Reprodução/Facebook
A banda foi responsável pelos hits 'Tropa de elite', 'Renata' e 'Minha rainha' (foto: Reprodução/Facebook)
Responsáveis pelos hits Tropa de elite, Renata e Minha rainha, a banda Tihuana anunciou o fim das atividades. O comunicado veio por meio de um post no perfil oficial do grupo no Facebook, na última sexta (14/7), e gerou reações de tristeza nos fãs.

Na postagem, eles agradeceram a todos que acompanharam os 20 anos de carreira do grupo e parecem estar felizes com a decisão. "Amigos, o Tihuana encerra suas atividades oficialmente por tempo indeterminado. Muito obrigado aos nossos familiares, músicos, equipe, parceiros e um agradecimento mais que especial aos nossos fãs. Foram 20 anos intensos de muito rock e acima de tudo muita verdade. Que Deus abençoe a caminhada de todos. Rock sempre!"

Já quem acompanha o grupo não ficou tão alegre assim. "Quê que tá acontecendo, Deus????? Tô no chão!!!!!", escreveu uma das fãs que também declarou seu amor pela banda. Outros ainda demonstraram esperança de um retorno. "Sem palavras. Espero que seja um até breve. Vocês compõem uma grande parte da trilha sonora de muitos momentos da minha vida. Sempre na positividade e na vibe que transmitiam. Foda de acreditar."

O vocalista do grupo, Egypcio, anunciou a saída do grupo na quinta (13) e afirmou que novos projetos estão por vir. "Venho aqui pra falar pra vocês o quanto foi importante pra mim estar no Tihuana por quase 20 anos. Uma vida! O que passamos juntos... tantas histórias. (...) Me despeço hoje do Tihuana, feliz e realizado. (Quero) agradecer em especial aos meus cinco irmãos e guerreiros de tantos anos que acreditaram num sonho juntos e juntos vencemos sempre. Obrigado Leo, PG, Román e Baía. Nos vemos na estrada", escreveu.

A banda de rock surgiu em 1999 em São Paulo. Tihuana trazia inicialmente Egypcio nos vocais, Román no baixo, PG na bateria, Léo na guitarra e Baía na percussão, mas ele foi substituído por Fouad quando resolver ser apenas DJ. Entre os álbuns do grupo estão A vida nos ensina (2001), Agora é pra valer (2013) e Tropa de elite (2008).

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA