Harvard nomeia Rihanna como Humanitária do Ano

Reconhecimento veio devido ao programa que ajuda estudantes do Caribe a estudarem nos Estados Unidos

por Estado de Minas 23/02/2017 09:45
YouTube/Reprodução
Com a canção 'Love on the brain', Rihanna também bateu recorde na Billboard. (foto: YouTube/Reprodução)
Rihanna vai ser premiada por um lado menos conhecido de sua carreira. Na próxima terça-feira (28), a cantora receberá o Prêmio Humanitária do Ano da Universidade de Harvard. 

A honraria será estregue por seu trabalho na Fundação Clara e Lionel, batizada em homenagem aos avós da cantora. A fundação fomenta a educação no Caribe e ajuda estudantes locais a fazerem faculdade nos Estados Unidos. Rihanna também é uma apoiadora do Global Partnership for Education e do Global Citizen Project, ambos ligados a educação em países pobres. 

A cantora ainda construiu um centro de oncologia e medicina nuclear para diagnosticar e tratar câncer de mama no hospital Rainah Elizabeth, em Bridgetown, Barbados. 

Além da filantropia, Rihanna segue bem sucedida em sua carreira musical. Nesta semana, a canção Love on the brain, presente em seu último álbum Anti (2015), se tornou a 30ª em sua carreira a chegar ao Top 100 da Billboard. Com isso ela ultrapassou Michael Jackson, que tem 29 músicas na parada de sucessos, ficando atrás apenas de Madonna (38) e dos Beatles (34). 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA