Os efeitos das queimadas na saúde humana

07/10/2021 12:48
None

Todos os anos o Brasil é assolado por queimadas em diversas regiões, principalmente no Centro-Oeste e na região Norte, consideradas as mais secas do território nacional, devido às suas localizações, no meio do continente sulamericano.

A época das queimadas, normalmente, é entre Junho e Setembro, quando o clima fica mais seco devido à chegada do inverno e, além dos riscos causados ao meio ambiente, como destruição da fauna e da flora locais, aumento da emissão de gases de efeito estufa e aumento da temperatura atmosférica, as queimadas também causam danos à saúde. Estes danos vão muito além causados pelo tempo seco em si, como lábios rachados, pele, olhos e extremidades secas, desidratação etc.

A fumaça proveniente das queimadas possui diversas toxinas que são de extrema toxicidade para a saúde dos seres humanos. As pessoas que moram perto das regiões de queimadas são as que mais sofrem, por inalarem constantemente a fumaça e as cinzas que ficam no ar.

Abaixo, podemos identificar alguns dos principais perigos das queimadas à saúde humana:

Insuficiência respiratória : A insuficiência respiratória se dá quando o indivíduo sente uma intensa falta de ar, quando o pulmão não consegue acesso a ar limpo suficiente para manter as atividades corporais dentro da normalidade. Isso é causado pela inalação de um composto tóxico chamado monóxido de carbono, presente nas fumaças das queimadas. Esse composto pode chegar até a corrente sanguínea e impedir as hemácias de transportar oxigênio para as células e órgãos.

Insuficiência cardíaca: Além da insuficiência respiratória, a insuficiência cardíaca é outro risco grave derivado das queimadas no Brasil, visto que essa primeira pode evoluir para uma insuficiência cardíaca e causar danos e sequelas irreversíveis à saúde.

Doenças respiratórias : Outras doenças respiratórias graves também podem acometer àqueles que são expostos às fumaças das queimadas e, consequentemente, aos seus compostos tóxicos. Essas doenças são: rinite, asma, Síndrome do Desconforto Respiratório Agudo (SDRA), sinusite, tuberculose, enfisema e bronquite, essas duas últimas são consideradas as mais graves pois impedem a passagem de ar pelos pulmões e são comumente chamadas de Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC).

Câncer: Assim como o cigarro, as fumaças originadas nas queimadas também possuem diversos compostos químicos, o que pode aumentar o risco de desenvolvimento de câncer de pulmão, doença com alta taxa de mortalidade.

Intoxicação: Além do monóxido de carbono, composto químico presente na fumaça das queimadas, um composto ainda mais danoso ao organismo humano é o chamado "material particulado". Este composto nada mais é do que uma mistura de partículas de vários tamanhos que, ao serem inaladas, podem percorrer o corpo humano e romper a barreira epitelial, prejudicando, principalmente, os pulmões e a corrente sanguínea. Isso causa um efeito de intoxicação muitas vezes irreversível ou de longo prazo.

É importante ressaltar que não são somente os habitantes de regiões próximas às queimadas que sofrem com os seus efeitos. As fumaças têm a capacidade de percorrer centenas de quilômetros e contaminar o ar em diversas outras regiões do planeta, muitas vezes até mesmo imperceptivelmente, tornando-a ainda mais grave e nociva, prejudicando a saúde de milhares de outras pessoas.

O doctoranytime acredita que, para tratar tais doenças respiratórias, ou até mesmo evitá-las, é importante se consultar com um profissional de saúde que possa aconselhá-lo não só durante a época das queimadas, mas também ao longo dos anos, visto que os efeitos nocivos da inalação da fumaça de tais queimadas podem ser identificados por anos a fio. Nunca pratique o auto tratamento ou a automedicação, uma vez que os efeitos prejudiciais podem ser profundos e graves. Somente um profissional de saúde qualificado poderá ajudá-lo a definir o melhor tratamento para a sua condição.

Artigo publicado com garantias médicas, em colaboração com grupo científico do doctoranytime.

Referências:

Amazônia, desmatamento de queimadas: uma nova tragédia em 2020. (2020). WWF Brasil. Home Programa Queimadas. (n.d.). INPE. Retrieved September 1, 2021, from

Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: 

MAIS SOBRE