Maluma é roubado na Rússia e tem prejuízo de quase três milhões de reais

'Ninguém pode levar minha felicidade e essência', comentou o cantor colombiano, que teve seu quarto de hotel invadido em Moscou

por Estado de Minas 21/06/2018 08:41
Instagram/Reprodução
Cantor colombiano está em Moscou para acompanhar os jogos da Copa do Mundo 2018. (foto: Instagram/Reprodução)
O cantor e compositor Maluma teve joias avaliadas em US$ 800 mil roubada de seu quarto de hotel em Moscou, na Rússia. O colombiano está no país acompanhando a Copa do Mundo 2018 e se hospedou no Four Seasons, nas proximidades da Praça Vermelha. Segundo agências de notícias internacionais, o ladrão teria se passado por um hóspere e entrou no quarto na terça-feira (19). O suspeito levou diversas peças de luxo, incluindo relógios e joias. 

Entre objetos de valor estavam uma bolsa da marca Louis Vuitton, 11 relógios de luxo, diversos itens da joalheria Cartier e 10 óculos cravejados com diamantes e pérolas. De acordo com a polícia local, as peças são avaliadas em US$ 800 mil (cerca de R$ 2,9 milhões). 

Um porta-voz do hotel não deu detalhes sobre o indicente, mas disse à Reuters que uma investigação está sendo feita. ''Nós tratamos a questão da segurança de nossos hóspedes e seus pertences muito seriamente e imediamtamente informamos a polícia'', disse, em nota. 

Maluma está hospedado em Moscou, mas viajou para Saransk, onde a Colômbia jogou contra o Japão e foi derrotada por 2 a 1

Nesta quarta-feira (20), após a notícia repercutir, o músico foi às redes sociais falar sobre o caso. Por meio de um post em seu Instagram, ele compartilhou uma foto em que aparece sorrindo e escreveu na legenda: ''Ninguém pode levar minha felicidade e essência''

Maluma é um cantor colombiano de 24 anos que passou a ser conhecido no Brasil após gravar a música Sim ou não, com Anitta. Famoso expoente do reggaeton, ele fez sucesso com os singles Felices los 4 e Corazón. Além disso, ele também gravou com a conterrânea Shakira as músicas Chantaje e Trap
 

Mi FELICIDAD y ESENCIA... Nadie se la puede llevar! %u270C%uD83C%uDFFB

Uma publicação compartilhada por MALUMA (@maluma) em

 

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE MEXERICO