Morre, aos 79 anos, o escritor israelense Amos Oz

Anúncio foi feito pelo Twitter pela filha do autor, também um dos fundadores do movimento pacifista Paz Agora

por Redação EM Cultura 28/12/2018 12:34
AFP
(foto: AFP)
O escritor israelense Amos Oz, co-fundador do movimento pacifista Paz Agora, morreu aos 79 anos. O anúncio foi feito nesta nesta sexta-feira (28) por sua filha, Fania Oz-Salzberger, no Twitter.

"Para aqueles que o amam, obrigado", escreveu ela. Oz sofria de câncer.
 
Dono de uma extensa obra literária, o autor produzia romances, ensaios e críticas desde os anos 1960. Foi um dos intelectuais mais reconhecidos de seu país.

Seu livro mais conhecido é o romance autobiográfico Rimas da vida e da morte (2003). Outros trabalhos são Meu Michael (1973), A caixa preta (1988), Conhecer uma mulher (1991), Pantera no porão (1997) e O mesmo mar (2002). 
 
Foi membro do Partido Trabalhista Sionista e um dos primeiros defensores da solução dos dois estados para Israel e Palestina. É um dos principais escritores da narrativa hebraica e a sua obra está traduzida em 45 línguas.  

Nascido em 4 de maio de 1939 em Jerusalém, de uma família de origem russa e polonesa, ele mudou seu sobrenome em 1954, de Klausner para Oz, uma palavra hebraica que significa "força, coragem".
 

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE E-MAIS