Artista pernambucano tem mostra na Funarte/MG

José Paulo apresenta instalação criada com 200 itens - caixas-d'água, baldes, bacias, panos sujos e objetos feitos com cerâmica

por Walter Sebastião 02/01/2013 07:56

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

 Rosa Melo/divulgacao
Inventario/Argila é o nome da mostra que ocupa o amplo espaço da Funarte MG (foto: Rosa Melo/divulgacao)

Inventário/Argila está em cartaz na sede da Funarte MG. Nessa mostra, o artista pernambucano José Paulo apresenta instalação criada com 200 itens – caixas-d’água, baldes, bacias, panos sujos e objetos feitos com cerâmica. O material veio da capital e de olarias que ficam em locais próximos de Belo Horizonte. O conjunto foi organizado de forma a evocar tanto física quanto metaforicamente o potencial de transformação da argila. “É um inventário poético sobre nossa herança cultural”, observa José Paulo. A argila é matéria utilizada há milênios para várias finalidades, lembra ele. Atualmente, está presente até mesmo no mecanismo de foguetes e em computadores de última geração. “Interessam-me todas as questões que a reunião desses objetos e questões inerentes a eles possam oferecer à reflexão. Como sou artista plástico, dou atenção também a aspectos plásticos em si, como composição, diferença de texturas e variedade de cores”, explica José Paulo. Tudo é ordenado de forma a sugerir diálogos, enfatiza ele. O escultor já fez obras com cerâmica, couro e ferro. Em cartaz até 31 de janeiro, a instalação montada em Belo Horizonte é a segunda criada por José Paulo a partir da coleta de material em regiões específicas. A primeira foi realizada em Caruaru (PE), a partir de sobras de material descartado por oficinas de artesanato. JOSÉ PAULO Funarte, Rua Januária, 68, Floresta, (31) 3213-3084. De segunda a sexta-feira, das 10h às 18h.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS