Romance adolescente Tudo por um pop star chega aos cinemas

Roteiro foi adaptado pela autora Thalita Rebouças para incorporar relevância da internet na vida dos jovens. Original foi escrito há 15 anos

por Ana Clara Brant 11/10/2018 09:00

PÁPRICA FOTOGRAFIA/DIVULGAÇÃO
Maisa Silva, Mel Maia e Klara Castanho vivem as amigas que convencem os pais a deixá-las do interior Fluminense até o Rio de Janeiro para ver a banda preferida (foto: PÁPRICA FOTOGRAFIA/DIVULGAÇÃO)
Quem nunca fez uma loucura por seu grande ídolo? Dormir na porta do hotel, varar a madrugada na fila para ser o primeiro a entrar no local do show, gastar rios de dinheiro com ingressos, camisetas, faixas e afins. “Nunca fui uma fã nesse sentido. O máximo que já fiz de estripulia foi pedir ao meu avô para me levar em São Januário (estádio do Vasco, no Rio de Janeiro), num sol de rachar para ver os Menudos”, diverte-se a escritora e jornalista carioca Thalita Rebouças, fenômeno da literatura infantojuvenil.

Em 2003, ela lançou um livro que aborda a história de três amigas do interior fluminense que são capazes de tudo para ir a um show de sua banda favorita e se aproximar dos artistas. O sucesso editorial também deu origem a um musical, em 2012. E, assim como outros títulos da autora – Uma fada veio me visitar e Fala sério, mãe! – ganhou uma versão cinematográfica. Com direção de Bruno Garotti, Tudo por um pop star, o filme, estreia nesta quinta-hoje (11). “Era um caminho natural virar um longa-metragem, mas está sendo bem desafiador, porque assino o roteiro, apesar de ter a colaboração do Bruno (o diretor) e da Dadá Coelho. Para o filme eu tive que fazer algumas adaptações, porque o livro já tem 15 anos. A internet não tinha ainda essa força naquela época, teve personagem que caiu, outros foram criados e alguns ganharam mais força. Adorei escrever o roteiro e estou já preparando um próximo”, diz Thalita.

Melhores amigas, Manu (Klara Castanho), Gabi (Maisa Silva) e Ritinha (Mel Maia) descobrem que seus ídolos da banda Slava Body Disco Boys, que tem como líder o astro Slack (João Guilherme), passarão pelo Rio de Janeiro em turnê. Empolgadas com a notícia, elas têm a difícil missão de convencer seus pais a permitir que deixem sua cidade no interior para realizar o sonho de ver de perto os meninos mais famosos do cenário pop. Para isso, contarão com a ajuda de Babete (Giovanna Lancellotti), a prima avoada e mais velha de Manu. Mas essa aventura reserva muitas surpresas: testa os limites da paixão dessas fãs e coloca à prova a força da amizade das três.

FOFAS “Eu sempre quis que as três (Klara, Mel e Maisa) estivessem no projeto, e elas se encaixaram muito bem nos papéis. São umas fofas e ótimas atrizes. Essas personagens são muito importantes para mim, para a minha carreira e tinham que ser interpretadas por pessoas especiais. Fiquei muito feliz de ter esse elenco”, comenta a autora e roteirista, que faz uma ponta em Tudo por um pop star na pele de uma camareira. O público acompanha a trajetória das atrizes há muitos anos, já que elas atuam desde crianças. “Apesar de muito novas, elas têm uma carreira consolidada. As três não tinham muito contato (entre si) antes do filme e foi impressionante como elas se entrosaram. Viraram melhores amigas mesmo. Porque este filme é sobre isso. Mais do que falar sobre a idolatria, é uma produção sobre a força da amizade”, afirma Bruno Garotti, que assina seu segundo longa-metragem. A estreia foi com Eu fico Loko (2017). Agola ele se prepara para lançar no início do ano que vem Cinderela pop, também estrelado por Maisa Silva.

Klara Castanho, que completou 18 anos no último sábado (6), comenta que já tinha lido o livro quando era mais nova e que o recebeu de presente de Thalita Rebouças, com quem acabou desenvolvendo uma parceria. A jovem atriz atuou com a escritora na série Absurdices, do site Gshow, e protagonizou o filme É fada, inspirado em um dos livros dela. “Admiro a Thalita em muitas e muitas coisas e passaria horas enumerando, mas a admiro principalmente pelo ser humano incrível que ela é. Em relação às obras, sinto que ela escreve querendo provocar reações certeiras nas pessoas e nunca falha. Uma das coisas que mais me motivaram a fazer este filme foi esse amor que tenho pela Thalita e pelas obras dela, no primeiro momento. Depois, todo o entorno, que envolvia ser o primeiro livro que li e dado por ela, além de a Manu ser uma personagem incrível”, ressalta.

MÚSICA Além de atuar, Klara Castanho mostra o seu lado musical. Atualmente, ela é uma das participantes do reality pop star, na Globo. “Sempre amei escutar música e daí foi surgindo o interesse de aprender a respeito. Cantar fora da aula de canto nunca tinha sido uma pretensão, até surgirem projetos que envolviam isso. É um grande desafio para mim, mas eu amo!”, diz.

Bruno Garotti destaca mais uma oportunidade de trabalhar com o universo infantojuvenil, já que também trabalhou como assistente de diretor no filme Confissões de adolescente (2013), inspirado na obra homônima de Maria Mariana, e espera que o público possa perceber na telona o mesmo espírito presente nas páginas do livro. “É muito importante que quem leu sinta a mesma energia, a mesma positividade e astral tão característicos da Thalita Rebouças neste filme. Não é uma história para se levar tão a sério, mas isso não significa que ela seja vazia, superficial. E, além de pegar o público infantojuvenil, que é o foco, acho que vai conquistar os mais velhos pela nostalgia, pela leveza”, afirma o diretor, que já pensa em uma trilogia. “Como o livro tem sequências – Tudo por um namorado e Tudo por um feriado – acho que esta história tem tudo para render. E eu, que estou em um processo de aprendizado, acho bacana estar neste projeto, que nos permite experimentar e criar bastante.”

O elenco de Tudo por um pop star ainda traz Maitê Padilha, Barbara Maia, Victor Lamoglia, Gaby Nunes, Letícia Isnard, Flávia Garrafa, Osvaldo Mil, Míriam Freeland e o youtuber Felipe Neto, numa versão divertida e até caricata de um influenciador digital. Veja o trailer:

 

 

ÍDOLOS NA VIDA REAL

Cantora, atriz e apresentadora, Maisa Silva, uma das protagonistas de Tudo por um pop star, tem apenas 16 anos e é a adolescente mais seguida nas redes sociais no Brasil. A garota, que despontou no Programa Raul Gil ainda criança, soma 16 milhões de seguidores no Instagram. No ranking mundial, a brasileira perde apenas para a atriz e modelo britânica Millie Bobby Brown, de 14, estrela da série da Netflix Stranger things.

O sucesso de Maisa despertou o interesse da Globo, que, de acordo com informações do colunista de TV Ricardo Feltrin (UOL), fará proposta para ela e também para Larissa Manoela. Ambas são artistas do SBT/Alterosa e têm contrato válido com a emissora de Silvio Santos até 2019.

Outro queridinho das fãs e que também está no longa é o cantor e ator João Guilherme, de 16, que ficou conhecido inicialmente como namorado de Larissa Manoela e filho do sertanejo Leonardo. O garoto é o líder da Slavaboys, a banda do filme. João Guilherme já lançou disco e até uma biografia e se aproxima dos 9 milhões de seguidores no Instagram. Atualmente ele está no elenco da novela As aventuras de Poliana, no SBT/Alterosa.

“Uma das coisas que mais comemoro neste projeto é, além de todos terem demonstrado grande interesse e aceitar o convite, conseguir conciliar a agenda da Maisa, do João, do Felipe Neto. E o curioso é que acredito que eles devam passar na vida real pelo que a banda retratada no filme também passa. Essa idolatria tão eloquente e apaixonada”, diz Thalita Rebouças.

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE CINEMA