Academia de cinema dos EUA expulsa Harvey Weisntein após escândalo sexual

A expulsão contou com mais de dois terços dos votos necessários

por AFP 14/10/2017 17:52
AFP / Yann COATSALIOU
(foto: AFP / Yann COATSALIOU)

O produtor Harvey Weinstein foi expulso neste sábado da Academia de cinema dos Estados Unidos pelo escândalo de assédio e abuso sexual no qual está envolvido, informou o organismo em comunicado.

A junta diretora da Academia tomou a decisão depois de obtener "muito mais de dois terços dos votos necessários para expulsão imediata".

"Não só nos distanciamos de alguém que não merece o respeito de seus colegas como enviamos uma mensagem para que termine a era de ignorância deliberada e vergonhosa cumplicidade em conduta sexual depredadora em nossa indústria".

Weinstein, de 65 anos, caiu em desgraça quando o jornal The New York Times publicou em 5 de outubro um explosivo artigo sobre os seus assédios, principalmente contra jovens atrizes e assistentes. Desde então começaram as acusações públicas.

A Academia, encarregada de entregar o Oscar, tachou o conteúdo das denúncias de "repugnante, abominável e antiético" com seus padrões e "a comunidade de criadores que representa".

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA