Mostra de Cinema de Tiradentes exibirá 29 longas

17ª edição do evento terá a pré-estreia dos mineiros 'Exilados do vulcão' e 'Passarinho'

por Estado de Minas 09/01/2014 09:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Mostra de Cinema de Tiradentes/Divulgação
'Quando eu era vivo', deMarco Dutra, abre a Mostra de Cinema de Tiradentes deste ano (foto: Mostra de Cinema de Tiradentes/Divulgação )

Saiu a lista completa dos longas selecionados para a 17ª Mostra de Cinema de Tiradentes, que será realizada de 24 deste mês a 1° de fevereiro. Durante o evento, que tem como eixo temático a questão dos processos audiovisuais de criação, serão exibidos 29 longas, distribuídos em sete mostras conceituais em três espaços de exibição na cidade história mineira, sempre com entrada franca. A sessão de abertura será com o inédito 'Quando eu era vivo', de Marco Dutra. No encerramento, exibição de dois filmes convidados pela curadoria: o curta 'Linguagem', de Luiz Rosemberg Filho, e o média 'Já visto', jamais visto, de Andrea Tonacci.

 

Na seleção geral, houve distribuição equilibrada entre filmes cariocas, paulistas e mineiros, além de produções de Bahia, Paraíba, Pernambuco e Paraná, numa grande mistura de formas e gêneros. “Esteticamente, temos variações”, destaca Cléber Eduardo, curador da mostra. “Há filmes-ensaio, experimentais, narrativos, cênicos, rítmicos, documentários observacionais de personagens e ambientes, comédia urbana, família cigana, relações com o pop ressignificadas e recontextualizadas, hibridismos do documentário com a ficção, filmes sobre filmes, filmes sobre mal-estar.”

A 'Mostra Autorias', que traz diretores, fotógrafos ou produtores com modo próprio de olhar e alta mediação estilística, exibe duas pré-estreias em Minas. 'Exilados do vulcão', primeiro longa de ficção de Paula Gaitán, vencedor da categoria de melhor filme e som no Festival de Brasília 2013; e 'Passarinho' lá de Nova York, com a inquietação e as questões contemporâneas características do cinema do carioca Murilo Salles. Será exibido também O homem das multidões, parceria do mineiro Cao Guimarães com o pernambucano Marcelo Gomes, vencedor do Redentor de direção do Festival do Rio 2013, que será exibido também na mostra Panorama do 64º Festival de Berlim, entre 6 e 16 de fevereiro.

O evento terá ainda a Mostra Transições, dedicada a diretores em início de carreira com olhar original ou uma procura cinematográfica específica; a Mostra Sui Generis, criada ano passado, que contempla propostas de estilo próprio, fugindo do senso comum e quebrando expectativas; a Mostra Praça, que exibe produções aguardadas pelo público; além da Mostra Aurora, com sete longas inéditos que disputam as premiações. Veja a lista completa em: www.mostratiradentes.com.br.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA