UAI

Mario Frias ofende Adnet e é condenado a pagar R$30 mil para o humorista

Em 2020, o ator xingou o global no Twitter após parodia com o ex-Secretário de Cultura

Mario Frias ofende Adnet e é condenado a pagar R$30 mil para o humorista Reprodução: Redes sociais/Montagem
Camile Brito - Especial para o Uai clock 03/10/2023 16:47
compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp SIGA NO google-news

Nesta terça-feira (3), a Justiça do Rio de Janeiro condenou Mario Frias a pagar R$30 mil a Marcelo Adnet após o ex- Secretário de Cultura xingar o humorista.

Leia Mais

Em 2020, o ator fez alguns vídeos parodiando o parlamentar, que reagiu com ofensas alegando 'liberdade de expressão'. Pelo Twitter, Farias chamou Adnet de “garoto frouxo e sem futuro”, “criatura imunda”, “crápula”, “palhaço decadente” e “idiota egoísta”.

O juiz da ação, Marco Antonio Novaes de Abreu, considerou que o ato "teve o único objetivo de desmerecer o autor [Adnet] como pessoa e profissional”, e que o ex-secretário deveria ter respeitado o cargo que ocupava.

Na ação, Marcelo Adnet pediu uma indenização de R$10 mil, porém, o magistrado firmou a sentença em R$30 mil mais R$3 mil, em honorários, pois: “A sentença é primorosa. A liberdade de expressão, garantida pela Constituição Federal, não pode servir para atacar, ameaçar e ofender ninguém, sob pena de outro princípio constitucional que protege a dignidade da pessoa humana”, reforçou o advogado de defesa do humorista, Ricardo Brajterman.

 

 

compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp